Escritoriodearte.com > Artistas > Karin Lambrecht

Karin Lambrecht

OBRAS DO ARTISTA

Este artista não possui obras em nosso acervo.

Você possui uma obra deste artista e quer vender?

Após logar no site, clique em 'Avaliações' e envie sua obra.

BIOGRAFIA

Karin Lambrecht (Porto Alegre RS 1957)

Pintora, desenhista, gravadora e escultora.

Karin Marilin Haessler Lambrecht inicia seus estudos no Ateliê Livre da Prefeitura Municipal de Porto Alegre, entre 1973 e 1976. Como aluna de Danúbio Gonçalves (1925), estuda litografia entre 1977 e 1978. Gradua-se em desenho e gravura pelo Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - IA/UFRGS, em 1979. Nesse ano, realiza sua primeira individual, no Espaço 542. No início da década de 1980, faz curso de pintura com Raimund Girke (1930 - 2002), na Hochschule der Künste, em Berlim. Em 1986, realiza mostra individual na Galeria Tina Presser, em Porto Alegre. Recebe, em 1988, o Prêmio Ivan Serpa, da Funarte. Em sua produção dos anos 1980, emprega detritos industriais, dialogando com a arte povera e o expressionismo. Nesse período, dedica-se ainda à pintura, em busca de novas possibilidades formais, elimina chassis e costura pedaços de tela. Na década de 1990, começa a agregar materiais orgânicos, como grãos de terra e sangue, à superfície das telas.

Comentário Crítico

No início de sua trajetória artística, Karin Lambrecht realiza trabalhos constituídos principalmente por resíduos industriais, em que revela o diálogo com a arte povera e com o expressionismo. Em meados da década de 1980, produz obras compostas por imensos planos recortados e suspensos. A artista reorganiza o chassi em arranjos mais espontâneos, como nota o historiador da arte Agnaldo Farias, e aproxima, assim, suas obras a certas construções toscas, como estandartes e barracas. As pinturas são feitas sobre tecidos queimados e rasgados. Em outros trabalhos, passa a agregar materiais inusitados, como sucata, fragmentos de chapas de metal ou ripas de madeira. Sua obra mantém afinidade, pelo uso de materiais industriais, com os trabalhos de Robert Rauschenberg (1925 - 2008) e, principalmente, de Joseph Beuys (1921 - 1986).

A artista, que trabalha predominante com tons de azul, passa a explorar os vermelhos, ocres e amarelos, por meio de pigmentos naturais, que variam desde finas camadas de terra, ao carvão ou ao sangue de animais abatidos. Por vezes, expõe as obras à ação da natureza, como o sol, vento ou chuva, que as modifica e faz com que elementos novos, como folhas de árvores, fragmentos de cascas ou pegadas de animais, sejam agregados à elas.

Para a crítica de arte Ligia Canongia, a idéia do sacrifício, da transitoriedade da vida e da religião está presente na obra de Lambrecht por meio dos materiais com que são compostas as peças, pelo recorrente uso de sinais, como o da cruz, e de palavras que aludem à fragmentação e dissecação dos corpos.

Exposições Individuais

1979 - Porto Alegre RS - Individual, no Espaço 542
1984 - Porto Alegre RS - Individual, na Galeria Tina Presser
1985 - Curitiba PR - A Fertilidade de Anita, na Sala Bandeirante do MAC/PR
1986 - Brasília DF - Individual, no Espaço Capital
1986 - Porto Alegre RS - Individual, na Galeria Tina Presser
1987 - Berlim (Alemanha) - Individual, na Petrus Kirche
1988 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Thomas Cohn Arte Contemporânea
1989 - Brasília DF - Individual, no Espaço Capital
1990 - São Paulo SP - Individual, na Subdistrito Comercial de Arte
1991 - Porto Alegre RS - Individual, na Itaugaleria
1994 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Camargo Vilaça
1996 - Rio de Janeiro RJ - Pintura e Desenho, na Funarte
1997 - Novo Hamburgo RS - Individual, na Galeria Modernidade
2002 - Porto Alegre RS - Individual, no Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli - MARGS
2005 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Nara Roesler

Exposições Coletivas

1983 - Porto Alegre RS - Arte Livro Gaúcho: 1950/1983, no Margs
1983 - Porto Alegre RS - Coletiva Três Processos de Trabalho, no Instituto Goethe
1983 - Rio de Janeiro RJ - 6º Salão Nacional de Artes Plásticas, no MAM/RJ
1984 - Fortaleza CE - 7º Salão Nacional de Artes Plásticas, no MAM/RJ
1984 - Rio de Janeiro RJ - 7º Salão Nacional de Artes Plásticas, no MAM/RJ - menção honrosa
1984 - Rio de Janeiro RJ - Como Vai Você, Geração 80?, na EAV/Parque Lage
1984 - São Paulo SP - Arte na Rua 2
1985 - Rio de Janeiro RJ - 8º Salão Nacional de Artes Plásticas, no MAM/RJ
1985 - Rio de Janeiro RJ - Os Olhos do Gato que Ouvem, na Funarte
1985 - Rio de Janeiro RJ - Pequenos Formatos, na GB Arte
1985 - São Paulo SP - 18ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal
1987 - São Paulo SP - 19ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal
1987 - São Paulo SP - Trabalhando com o Suporte: pintura, recorte e objeto, na Documenta Galeria de Arte
1989 - Bonn (Alemanha) - Panorama de Pintura, na Galeria Raue
1989 - Porto Alegre RS - Panorama de Pintura, na Galeria Tina Zappoli
1989 - São Paulo SP - 20º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1989 - São Paulo SP - Panorama de Pintura, no MAM/SP
1991 - Caracas (Venezuela) - Brasil: la nueva generación, na Fundación Museo de Bellas Artes
1991 - Porto Alegre RS - BR/80: Pintura Brasil Década 80, na Casa de Cultura Mário Quintana
1991 - Porto Alegre RS - Exposição Atelier Livre: 30 anos - alunos artistas, no Atelier Livre da Prefeitura de Porto Alegre
1992 - Belém PA - 11º Salão Arte Pará, na Fundação Romulo Maiorana
1992 - Rio de Janeiro RJ - Arte Amazonas, no MAM/RJ 
1992 - Rio de Janeiro RJ - Brazilian Contemporary Art, na EAV/Parque Lage
1992 - São Paulo SP - João Sattamini/Subdistrito, na Casa das Rosas
1992 - São Paulo SP - Programa Anual de Exposições de Artes Plásticas, no CCSP 
1993 - Brasília DF - Um Olhar sobre Joseph Beuys, na Fundação Athos Bulcão
1993 - Porto Alegre RS - Anti corpo, no Museu de Arte Contemporânea
1993 - Porto Alegre RS - Projeto Aquisição: obras doadas ao acervo do Margs, no Margs
1993 - São Paulo SP - 23º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP 
1993 - Washington D. C. (Estados Unidos) - Brasil: imagens dos anos 80 e 90, no Art Museum of the Americas
1994 - Rio de Janeiro RJ - Brasil: imagens dos anos 80 e 90, no MAM/RJ
1994 - Rio de Janeiro RJ - The Exchange Show: doze pintores de San Francisco e do Rio de Janeiro, no MAM/RJ 
1994 - San Francisco (Estados Unidos) - The Exchange Show: twelve painters from San Francisco and Rio de Janeiro, no Yerba Buena Center for the Arts
1994 - São Paulo SP - Bienal Brasil Século XX, na Fundação Bienal
1994 - Aachen (Alemanha) - Arte Amazonas,  no Ludwig Forum für Internationale Kunst
1994 - São Paulo SP - Brasil: imagens dos anos 80 e 90, na Casa das Rosas
1995 - Rio de Janeiro RJ - Anos 80 : o palco da diversidade, no MAM/RJ
1995 - São Paulo SP - Anos 80: o palco da diversidade, na Galeria de Arte do Sesi
1996 - Rio de Janeiro RJ - Pintura e objeto, na Galeria Sérgio Milliet
1996 - São Paulo SP - Arte brasileira contemporânea: doações recentes/96, no MAM/SP
1997 - Ouro Preto MG - Experiências e Perspectivas: 12 visões contemporâneas, no Museu Casa dos Contos. Centro de Estudos do Ciclo do Ouro
1997 - Porto Alegre RS - Exposição Paralela, na Bolsa de Arte de Porto Alegre
1997 - Porto Alegre RS - Exposição Paralela, na Galeria Cezar Prestes Arte
1998 - Brasília DF - Cien Recuerdos para Garcia Lorca, no Espaço Cultural 508 Sul
1998 - Cuenca (Equador) - 6ª Bienal Internacional de Cuenca 
1998 - Goiânia GO - Os Anos 80, na Galeria de Arte Marina Potrich
1998 - Porto Alegre RS - Remetente, no Espaço Cultural ULBRA
1998 - Rio de Janeiro RJ - 16º Salão Nacional de Artes Plásticas - sala especial, na MAM/RJ
1998 - São Paulo SP - O Moderno e o Contemporâneo na Arte Brasileira: Coleção Gilberto Chateaubriand - MAM/RJ, no Masp
1998 - Wiesbaden (Alemanha) - Quase Nada, no Nassauischer Kunstverein Wiesbaden
1999 - Porto Alegre RS - Arte Gaúcha Contemporânea, no Museu de Arte Contemporânea
1999 - Porto Alegre RS - Garagem de Arte: mostra inaugural, na Garagem de Arte 
2000 - Curitiba PR - 12ª Mostra da Gravura de Curitiba. Marcas do Corpo, Dobras da Alma
2000 - Novo Hamburgo RS - Mostra Itinerante do Acervo do MAC, no Centro Universitário Feevale
2000 - Rio de Janeiro RJ - Brasil + 500 Mostra do Redescobrimento. Carta de Pero Vaz de Caminha, no Museu Histórico Nacional
2000 - São Paulo SP - Brasil + 500 Mostra do Redescobrimento. Carta de Pero Vaz de Caminha, na Fundação Bienal
2001 - Brasília DF - Mostra de Arte Contemporânea, no Conjunto Cultural da Caixa
2001 - Porto Alegre RS - 3ª Bienal de Artes Visuais do Mercosul
2001 - Rio de Janeiro RJ - Espelho Cego: seleções de uma coleção contemporânea, no Paço Imperial
2001 - Rio de Janeiro RJ - O Espírito de Nossa Época, no MAM/RJ 
2001 - São Paulo SP - Espelho Cego: seleções de uma coleção contemporânea, no MAM/SP 
2001 - São Paulo SP - O Espírito de Nossa Época, no MAM/SP 
2002 - Curitiba PR - Obras do Faxinal das Artes, no Museu de Arte Contemporânea
2002 - Porto Alegre RS - Desenhos, Gravuras, Esculturas e Aquarelas, na Garagem de Arte 
2002 - Porto Alegre RS - Violência e Paixão, no Santander Cultural
2002 - Rio de Janeiro RJ - 1ª Mostra Rio Arte Contemporânea, no MAM/RJ 
2002 - Rio de Janeiro RJ - Caminhos do Contemporâneo 1952-2002, no Paço Imperial
2002 - São Paulo SP - 25ª Bienal Internacional de São Paulo - sala especial, na Fundação Bienal 
2002 - São Paulo SP - O Orgânico em Colapso, na Valu Oria Galeria de Arte
2003 - Porto Alegre RS - Vida, Povo, Fome, Trabalho e Religião, na Garagem de Arte 
2003 - São Paulo, SP - Pele, Alma, no CCBB
2003 - São Paulo SP - Arte Hoje, na Valu Oria Galeria de Arte
2004 - Rio de Janeiro RJ - Onde Está Você, Geração 80?, no CCBB 
2004 - São Paulo SP - Arte Contemporânea no Ateliê de Iberê Camargo, no Centro Universitário Maria Antonia
2005 - São Paulo SP - O Corpo na Arte Contemporânea Brasileira, no Itaú Cultural
2005 - Alcobaça (Portugal) - Lágrimas, no Mosteiro de Alcobaça
2005 - São Paulo SP - Dor, Forma, Beleza, na Estação Pinacoteca
2005 - Porto Alegre RS - 5ª Bienal de Artes Visuais do Mercosul 
2006 - Caxias do Sul RS - Gravura em Metal: matéria e conceito no ateliê Iberê Camargo, no Centro Municipal de Cultura Dr. Henrique Ordovás Filho 
2006 - São Paulo SP - Manobras Radicais, no Centro Cultural Banco do Brasil - CCBB
2006 - São Paulo SP - Paralela 2006, no Pavilhão dos Estados
2007 - São Paulo SP - Mulheres Artistas,  no MAC/SP
2007 - São Paulo SP - Itaú Contemporâneo: arte no Brasil 1981-2006, no Itaú Cultural

Fonte: Itaú Cultural

VEJA TAMBÉM

João Rossi - Urbânia
Urbânia
Candido Portinari - Árabe no Arado
Árabe no Arado
Manabu Mabe - Sem Título
Sem Título