Escritoriodearte.com > Artistas > José Spaniol

José Spaniol

OBRAS DO ARTISTA

José Spaniol - Alfaiate

Alfaiate

óleo sobre tela
170 x 150 cm

Preço: Sob Consulta

Leilão de Artes Online

BIOGRAFIA

José Spaniol (São Luiz Gonzaga RS 1960)

Pintor, desenhista, gravador, escultor e professor.

Entre 1978 e 1983, José Paiani Spaniol cursou artes plásticas na Fundação Armando Álvares Penteado - Faap, em São Paulo, e tem aulas de gravura com Evandro Carlos Jardim (1935). Paralelamente, freqüenta cursos de modelo-vivo e pintura de paisagem na Pinacoteca do Estado de São Paulo - Pesp. Nesta instituição, em 1985 e 1986, orienta oficinas de pintura e gravura. Em 1988 e 1989, é professor de artes plásticas na Faap. Realiza a mostra individual Pinturas e Objetos, em 1989, na Pesp. Vive em Colônia, Alemanha, entre 1990 e 1993, como bolsista do Deutscher Akademischer Austauch Dienst - DAAD [Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico]. Em 2003, com Marco Giannotti (1966), Mário Ramiro (1957) e Osmar Pinheiro (1950), cria o espaço de ensino e pesquisa em arte Oficina Virgílio, em São Paulo. No mesmo ano, faz exposição individual no Museu Alfredo Andersen, em Curitiba.

Comentário Crítico

No final da década de 1980, José Spaniol realiza uma série de pinturas abstratas em que utiliza tintas bastante diluídas sobre um suporte constituído por ripas de madeira (sarrafos), justapostas vertical ou horizontalmente. Dessa forma, permite que a madeira, com seu padrão de texturas e cor, também passe a ser parte integrante da obra, discutindo questões relacionadas ao suporte e à superfície da pintura.

Como nota o crítico Alberto Tassinari, Spaniol, ainda em sua produção inicial, parte de referências a objetos cotidianos, como portões, balões ou cartazes de rua, e estabelece uma troca entre a função utilitária e a poética, como nos cartazes de rua (Sem Título, 1994), em que, em oposição ao aspecto comercial e público, os textos trazem narrativas líricas ou relatos de caráter pessoal.

Destaca-se também a relação que Spaniol estabelece com a arquitetura e os locais expositivos, como em Mirante (1997), exposto no evento Arte/Cidade 3. O artista apresenta uma construção com quatro paredes de taipa, dispostas em uma planta quadrada, que permite o acesso ao interior através de frestas em cada um de seus cantos. Essa edificação não possui teto e as paredes têm apenas a função de dividir o espaço, o interior do exterior. Segundo Tassinari, vista de fora, a construção apresenta o aspecto de um volume cúbico; já o espaço interior, delimitado pelas paredes, enfatiza a visão do céu aberto e da própria paisagem vista através das frestas. O Mirante de José Spaniol não se situa em um local elevado, mas em uma paisagem plana. O artista cria um espaço geométrico que tem um caráter lírico, mas também irônico.

Em trabalho exposto em 2001, Spaniol produz objetos de cerâmica que remetem a formas conhecidas, mas que não podem ser identificadas. Os volumes, pintados com cores puras, fazem alusão à diversidade de cores da arquitetura brasileira, em especial aquelas dos casarios de cidades interioranas.

Acervos

Centro Cultural São Paulo - CCSP - São Paulo SP
Instituto Itaú Cultural - São Paulo SP
Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo - MAC/USP - São Paulo SP
Museu de Arte Moderna de São Paulo - MAM/SP - São Paulo SP

Exposições Individuais

1987 - São Paulo SP - Individual, no Ateliê Ana Tatit, Laura Vinci, José Spaniol e Theo Werneck
1989 - São Paulo SP - Individual, na Pinacoteca do Estado
1990 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Paulo Figueiredo
1994 - Rio de Janeiro RJ - Individual, no Espaço Cultural Sérgio Porto
1994 - São Paulo SP - Individual, na Galeria São Paulo
2001 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Nara Roesler
2002 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Nara Roesler
2003 - Curitiba PR - Individual, no Museu Alfredo Andersen
2003 - São Paulo SP - Individual, no Centro Universitário Maria Antônia

Exposições Coletivas

1982 - Curitiba PR - 5ª Mostra Anual de Gravura Cidade de Curitiba, na Casa da Gravura Solar do Barão
1983 - Santos SP - Salão de Arte Jovem de Santos
1984 - Itália - Prêmio Internacional Biella per L'Incisione
1984 - São Paulo SP - Arte na Rua 2
1984 - São Paulo SP - Coletiva 5 a 5, na Pinacoteca do Estado
1985 - Santo André SP - 13º Salão de Arte Contemporânea de Santo André, no Paço Municipal
1985 - São Paulo SP - Coletiva, na Galeria Art-Brut, no Cine Metrópole
1986 - Curitiba PR - 7ª Mostra da Gravura Cidade de Curitiba, na Casa da Gravura Solar do Barão
1986 - Santo André SP - Paralelos Calcográficos, no Paço Municipal
1986 - São Paulo SP - 4º Salão Paulista de Arte Contemporânea, na Fundação Bienal
1986 - São Paulo SP - Pintura, Desenho e Gravura, no Paço das Artes
1987 - São Paulo SP - 5º Salão Paulista de Arte Contemporânea, na Pinacote do Estado - prêmio estímulo
1987 - São Paulo SP - Coletiva Seis Agosto, no MAC/USP
1987 - São Paulo SP - Impressões Paulistas, na Galeria Sesc/Paulista
1988 - São Paulo SP - Coletiva, na Galeria Paulo Figueiredo
1989 - Rio de Janeiro RJ - Macunaíma 1989, na Funarte
1989 - São Paulo SP - 10 Artistas, no atelier Santa Cecília
1989 - São Paulo SP - Arte Paulista, Perspectivas Recentes, no CCSP
1990 - São Paulo SP - Coletiva, na Galeria Paulo Figueiredo
1991 - Berlim (Alemanha) - Coletiva, na Galerie Maeder
1992 - São Paulo SP - Coletiva, na Galeria Paulo Figueiredo
1992 - São Paulo SP - Retrospectiva anos 70 e 80, no MAC/USP
1994 - Brasília DF - Gravura    Paulista, no Espaço Cultural 508 Sul
1994 - São Paulo SP - Bandeiras: 60 artistas homenageiam os 60 anos da USP, no MAC/USP
1994 - São Paulo SP - Paisagens, na Galeria São Paulo
1995 - São Paulo SP - Gravura Paulista, na Galeria de Arte São Paulo
1996 - Rio de Janeiro RJ - Coletiva, no MAM/RJ - Instituto Goethe
1996 - São Paulo SP - Bandeiras, no Galeria de Arte do Sesi
1996 - São Paulo SP - Ex Libris/Home Page, no Paço das Artes
1997 - São Paulo SP - Arte Cidade: a cidade e suas histórias, nas Indústrias Matarazzo
1998 - Belo Horizonte MG - Terra e Mar a Vista, no Itaú Cultural
1998 - Brasília DF - Terra e Mar a Vista, no Itaugaleria
1998 - Caracas (Venezuela) - Bienal Barro de América
1998 - Maracaibo (Venezuela) - 3ª Bienal Barro de América, no Centro de Arte de Maracaibo Lia Bermúdez
1998 - Penápolis SP - Terra e Mar a Vista, na Galeria Itaú Cultural
1998 - Porto Alegre RS - Remetente, no Espaço Cultural DC Navegantes
1998 - São Paulo SP - Ana Miguel, Herman Tacasey, José Spaniol, Leila Reinert, Muti Randolph e Sônia Guggisberg, na Galeria São Paulo
1998 - São Paulo SP - Bienal Barro de América
1998 - São Paulo SP - Terra e Mar a Vista, no Instituto Itaú Cultural
1999 - s'Hertogenbosch (Holanda) - Coletiva, no European Ceramics Work Center
2000 - Quito (Equador) - Diálogos Brasil Equador, na Universidad Católica
2000 - São Paulo SP - Aquisições Recentes, no Centro Cultural São Paulo
2000 - São Paulo SP - Cerâmica Brasileira: construção de uma linguagem, no Centro Brasileiro Britânico
2000 - São Paulo SP - Desenho, no Centro Cultural São Paulo
2000 - São Paulo SP - Diálogos Brasil Equador, no Memorial da América Latina
2000 - São Paulo SP - O Lápis e o Papel, no Galeria Nara Roesler
2001 - Chicago (Estados Unidos) - Feira de arte de Chicago, Galeria Nara Roesler
2001 - São Paulo SP - Palavra-Figura, no Paço das Artes
2001 - São Paulo SP - Rede de Tensão, no Paço das Artes
2002 - Curitiba PR - Obras do Faxinal das Artes, no MAC/PR
2002 - São Paulo SP - Genius Loci: o espírito do lugar, nas ruas do bairro de Vila Buarque
2002 - São Paulo SP - México Imaginário: o olhar do artista brasileiro, na Casa das Rosas
2002 - São Paulo SP - Ópera Aberta: celebração, no Casa das Rosas
2002 - São Paulo SP - Portão 2, no Galeria Nara Roesler
2003 - Espanha - Actes de Fe i de Generositat-espais sagrats, La Bisbal D'Empordà
2003 - Santiago (Chile) - Fronteiras e Bordas, Primeiro Seminário Internacional de Artes do Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico - DAAD
2003 - São Paulo SP - 40 Anos, MAC/USP
2003 - São Paulo SP - Afonso Tostes, Arnaldo Antunes, José Spaniol, Leopoldo Ponce, Renata Tassinari, no Centro Universitário Maria Antonia
2003 - São Paulo SP - Compressores e Condensadores, no MAM-Espaço Villa-Lobos
2003 - São Paulo SP - Meus Amigos, no MAM/SP
2003 - Vila Velha ES - O Sal da Terra, no Museu Vale do Rio Doce
2004 - São Paulo SP - Arte Contemporânea no Acervo Municipal, no CCSP
2005 - Curitiba PR - Projeto Parque de Esculturas José Ermírio de Moraes Filho
2005 - São Paulo SP - Coletiva, no Centro Cultural São Paulo
2005 - São Paulo SP - Mostra Razão e Sensibilidade, projeto Encontro com Arte Panorama da Gravura Brasileira, na Galeria Valu Ória

Fonte: Itaú Cultural

VEJA TAMBÉM

Carlos Scliar - Objetos e Documentos (Diptico)
Objetos e Documentos (Diptico)
Alex Vallauri - Fruteira
Fruteira
Tikashi Fukushima - Sem Título
Sem Título
Vik Muniz - Recém Nascido (Louis) New Born
Recém Nascido (Louis) New Born