Escritoriodearte.com > Artistas > Guilherme Gaensly

Guilherme Gaensly

OBRAS DO ARTISTA

Este artista não possui obras em nosso acervo.

Você possui uma obra deste artista e quer vender?

Após logar no site, clique em 'Avaliações' e envie sua obra.

Leilão de Artes Online

BIOGRAFIA

Guilherme Gaensly (Wohlhausen - Cantão de Thurgau, Suíça 1843 - São Paulo SP 1928)

Fotógrafo.

Vem para o Brasil ainda menino, acompanhando o pai comerciante que se radica em Salvador. Ali inicia sua carreira em meados da década de 1870, associando-se a Rodolpho Lindemann em 1882 e fotografando diversas localidades da província da Bahia antes de se transferir para a cidade de São Paulo em 1890 e deixar seu sócio à frente do estúdio baiano. É na capital paulista, colaborando durante mais de 25 anos para a São Paulo Tramway Light and Power Company e organismos oficiais como a Secretaria de Agricultura, que se firma como o mais importante paisagista do Estado de São Paulo na primeira metade do século XX. Consagrado ainda em vida, é agraciado com as medalhas de prata das exposições de Paris (França), em 1889, e Saint Louis (Estados Unidos), em 1904.

Críticas

"Guilherme Gaensly, em seus retratos de fazendas, procura fazer coincidir a geometrização do campo com as linhas divisórias dos planos fotográficos. O movimento é substituído por um tratamento da imagem rigorosamente analítico, em que a natureza é enquadrada no universo ordenado e racionalizado da produção. 
Ao contrário da pintura que retrata a natureza de modo simples e anônimo, vemos na fotografia a intenção de monumentalizar seu motivo, seja através da aproximação radical do primeiro plano, ou da extrema valorização formal do motivo, ou ainda da tentativa de mostrá-lo integrado ao seu meio".
Vânia Carneiro de Carvalho
CARVALHO, Vânia Carneiro de. A representação da natureza na pintura e na fotografia brasileiras do século XIX. In: FABRIS, Annateresa (org.). Fotografia: usos e funções no século XIX. São Paulo: Edusp, 1991. p.218.

"Guilherme Gaensly (1843-1928), na realidade Wilhelm Gaensly, suíço, nascido em Wohlhausen no Cantão de Thurgau, chegou à Bahia ainda criança. Era filho de Jacob Heindrich Gaensly, comerciante, com negócio de importação de tecidos e exportação de algodão. 
Em 1871, Wilhelm Gaensly encontrava-se estabelecido em Salvador, ao que parece associado a Waldemar Lange por algum tempo. Dedicou-se ao retrato e à documentação tanto na Bahia, onde atuou até meados da década de 1880, como em São Paulo, cidade para a qual se deslocou por essa época e onde se fixou definitivamente".
Boris Kossoy
KOSSOY, Boris. Origens e expansão da fotografia no Brasil: século XIX. Rio de Janeiro: Funarte, 1980. p.51

"Guilherme Gaensly & Rodolfo Lindemann foram associados em Salvador durante os anos de 1870, até que Gaensly partiu para a capital paulista no início dos anos 90, vindo a se tornar nas duas décadas subseqüentes o mais destacado paisagista do Estado de São Paulo. (...)
Guilherme Gaensly colaborou durante 25 anos com a São Paulo Tramway Light and Power Company (atual Eletropaulo), o que lhe deu a chance de aprimorar seu enorme pendor para a paisagem, maravilhosamente expresso na ampla documentação do processo de modernização da cidade de São Paulo. Fotografando também para organismos oficiais, como a Secretaria de Agricultura do Estado, teve oportunidade de registrar os diferentes aspectos da cultura cafeeira no interior paulista, em localidades como Araraquara, Ribeirão Preto, Campinas, São Manoel e Santa Cruz das Palmeiras. Como seu associado, Gaensly também teve seu talento reconhecido no exterior ainda em seu tempo, com a premiação obtida na Exposição Internacional de Saint-Louis, nos Estados Unidos, em 1904".
Pedro Vasquez
VASQUEZ, Pedro. Mestres da fotografia no Brasil: Coleção Gilberto Ferrez. Rio de Janeiro: Centro Cultural Banco do Brasil, 1995. p.40.

Acervos

Acervo Fotográfico/DIM/PMSP - São Paulo SP
Biblioteca e Centro de Documentação do Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (SP)
Coleção Francisco Rodrigues - Fundação Joaquim Nabuco - Recife PE
Coleção Gilberto Ferrez, Acervo Instituto Moreira Salles  - Rio de Janeiro RJ
Coleção Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro - Doação White Martins
Fundação Biblioteca Nacional - Rio de Janeiro RJ
Fundação do Patrimônio Histórico da Energia de São Paulo - SP

Exposições Coletivas

1881 - Rio de Janeiro RJ - Exposição de História do Brasil, na Biblioteca Nacional
1889 - Paris (França) - Exposição de Paris - medalha de prata
1904 - Saint-Louis (Estados Unidos) - Exposição Internacional de Fotografia - medalha de prata

Exposições Póstumas

1975 - São Paulo SP - Memória Paulistana, no MIS/SP
1976 - Nova York (Estados Unidos) - Pioneer Photographers of Brazil 1840/1920, no The Center for Inter-American Relations (Nova York, Estados Unidos)
1981 - Zurique (Suíça) - Fotografie Lateinamerika von 1860 bis Heute, no Kunsthaus Zürich
1982 - Berlim (Alemanha) - Fotografie Lateinamerika von 1860 bis Heute
1982 - Madri (Espanha) - Fotografie Lateinamerika von 1860 bis Heute 
1982 - Rotterdã (Holanda) - Fotografie Lateinamerika von 1860 bis Heute
1985 - Rio de Janeiro RJ - Dom Pedro II e a Fotografia no Brasil, na Casa do Bispo
1986 - Paris (França) - La Photographie Brésilienne au Dix-Neuvième Siècle, Mois de la Photo à Paris
1987 - Ouro Preto MG - Aspectos da fotografia brasileira no seculo XIX, no Museu da Inconfidência
1995 - Rio de Janeiro RJ - Mestres da Fotografia no Brasil: Coleção Gilberto Ferrez, no CCBB
1997 - Campinas SP - O Brasil na Máquina do Tempo: coleção referencial da história da fotografia, no Itaú Cultural Campinas
1997 - Penápolis SP - O Brasil na Máquina do Tempo: coleção referencial da história da fotografia, na Galeria Itaú Cultural
1997 - São Paulo SP - O Brasil na Máquina do Tempo: coleção referencial da história da fotografia, no Itaú Cultural
1998 - Belo Horizonte MG - O Brasil na Máquina do Tempo: coleção referencial da história da fotografia, na Itaú Galeria
1998 - Brasília DF - O Brasil na Máquina do Tempo: coleção referencial da história da fotografia, na Itaú Galeria
2000 - Brasília DF - O Século XIX na Fotografia Brasileira: coleção Pedro Corrêa do Lago, no Ministério das Relações Exteriores. Palácio do Itamaraty
2000 - São Paulo SP - O Café, no Banco Real
2001 - São Paulo SP - Os Britânicos no Brasil, no Centro Brasileiro Britânico
2002 - Rio de Janeiro RJ - Guilherme Gaensly e Augusto Malta: dois mestres da fotografia brasileira no Acervo Brascan, no Instituto Moreira Salles
2003 - Poços de Caldas MG - Guilherme Gaensly e Augusto Malta: dois mestres da fotografia brasileira no Acervo Brascan, no Instituto Moreira Salles
2003 - São Paulo SP - Guilherme Gaensly e Augusto Malta: dois mestres da fotografia brasileira no Acervo Brascan, no Instituto Moreira Salles
2004 - São Paulo SP - Panoramas SP, no MIS/SP
2004 - São Paulo SP - São Paulo 450 Anos: a imagem e a memória da cidade no acervo do Instituto Moreira Salles, no Centro Cultural Fiesp

Fonte: Itaú Cultural

VEJA TAMBÉM

Milton Dacosta - Vênus e Pássaro
Vênus e Pássaro
José Antônio da Silva - Casal Cavalgando
Casal Cavalgando