Escritoriodearte.com > Artistas > Sonia Von Brusky

Sonia Von Brusky

OBRAS DO ARTISTA

Este artista não possui obras em nosso acervo.

Você possui uma obra deste artista e quer vender?

Após logar no site, clique em 'Avaliações' e envie sua obra.

BIOGRAFIA

Sonia Von Brusky Sales da Fonsêca (Rio de Janeiro RJ 1941)

Pintora, escultora, gravadora e desenhista.

Estuda com Ivan Serpa no Museu de Arte Moderna e no ateliê do artista, em 1967 e realiza sua primeira exposição individual na Galeria Domus, em 1968, no Rio de Janeiro. Viaja para Europa em 1971, quando faz contato com artistas e participa de exposições. Em 1974, cursa cenografia com Helio Eichbauer na EAV/Parque Lage do Rio de Janeiro. Entre 1984 e 1988, integra a diretoria da Associação Profissional de Artistas Plásticos e, em 1990, cria o Centro Cultural Sonia Von Brusky, em São Paulo. Em 1991 e 1992, realiza interferências no metrô de Londres, Inglaterra e Paris, França.

Críticas

"Focalizando a mulher, por autoconhecimento feroz de suas limitações e anseios, Sonia Von Brusky amplia esta reivindicação a todo ser castrado pelo poderio estabelecido, e incita cada um a vasculhar no seu íntimo o possível fracasso humano e a tentativa de reposição de uma verdade que o salve de ser um simples manequim ambulante. O personagem desta desenhista é isto, um manequim: o mundo surrealista onde ele se move é teatral, graficamente econômico e espantosamente técnico".
SONIA von Brusky: pinturas e jóias. Apresentação de Jacob Klintowitz. São Paulo: Renato Magalhães Gouvea Galeria de Arte, 1979.

"São cartas (envelopes) com endereços, selos e carimbos, cartas escritas por gente humana e entregues ao correio, jogadas em suas pinturas irregularmente num espaço vazio, cercadas e semi-fechadas por varas mecânicas de uma arquitetura ocasional. O humano com sua tenuidade, sensibilidade e angústia, justaposto ao mecânico, férreo, às leis instransponíveis que regem a vida humana. Assim é que Sonia capta e transmite o drama dos seres. O elemento do acaso (as cartas postais são jogadas no espaço da tela como as cartas do baralho, ocasionalmente jogadas em cima da mesa), em diálogo com o elemento construtivo, estável, calculado e firme. O frágil, o instável, o sensível acoplado com o sólido, o permanente, o coeso".
Theon Spanudis
LEITE, José Roberto Teixeira. Dicionário crítico da pintura no Brasil. Rio de Janeiro: Artlivre, 1988.

Exposições Individuais

1968 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Galeria Domus
1971 - Bruxelas (Bélgica) - Individual, na Galerie L'Angle Aigu
1973 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Galeria Ipanema
1974 - Niterói RJ - Individual na Galeria do Campo 
1975 - São Paulo SP - Individual, no Masp
1979 - São Paulo SP - Individual, na Renato Magalhães Gouvêa Galeria de Arte
1979 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Galeria O Sol
1981 - São Paulo SP - Individual, na Ars Artis Galeria
1983 - São Paulo SP - Individual, no CCSP
1984 - Salvador BA - Individual, no Museu de Arte da Bahia
1984 - Salvador BA - Individual, no MAM/BA
1985 - São Paulo SP - Individual, no CCSP
1985 - São Paulo SP - Individual na Traço Galeria de Arte
1986 - São Paulo SP - Individual, na Laborgraf
1987 - Campinas SP - Individual, na Galeria de Arte da Unicamp
1987 - Jundiaí SP - Individual no Museu Histórico de Jundiaí
1992 - Botucatu SP - Individual no Museu de Arte Contemporânea
1992 - Cubatão SP - Individual no Paço Municipal de Cubatão
1992 - São Paulo SP - Individual na Pinacoteca do Estado
1993 - São Paulo SP - Individual na Pinacoteca do Estado
1993 - Niterói RJ - Individual no Museu do Ingá
1993 - Belo Horizonte MG - Individual no Centro Cultural da UFMG
1993 - Rio de Janeiro RJ - Individual, no MNBA
2003 - São Paulo SP - Individual, no MAC/USP

Exposições Coletivas

1969 - Campinas SP - 5º Salão de Arte Contemporânea de Campinas
1969 - Curitiba PR - 16º Salão do Paraná - prêmio em desenho
1969 - Curitiba PR- 26º Salão Paranaense, na Federação das Indústrias do Estado do Paraná
1969 - Rio de Janeiro RJ - 18º Salão Nacional de Arte Moderna
1969 - Rio de Janeiro RJ - 1º Salão de Verão - prêmio em desenho
1969 - Rio de Janeiro RJ - Salão da Bússola, no MAM/RJ - prêmio de viagem
1970 - Belo Horizonte MG - 2º Salão de Arte Contemporânea de Belo Horizonte
1970 - Belo Horizonte MG - Salão da Alliance Française
1970 - Curitiba PR - 27º Salão Paranaense, na Biblioteca Pública do Paraná - prêmio em desenho
1970 - Heidelberg (Alemanha) - 17º Convenção Internacional de Arte Fantástica
1970 - Rio de Janeiro RJ - 19º Salão Nacional de Arte Moderna, no MAM/RJ
1970 - Rio de Janeiro RJ - Encontros Com Nós Mesmo, no MAM/RJ
1971 - Cali (Colômbia) - 1ª Bienal de Cali
1971 - Rio de Janeiro RJ - Salão da Eletrobrás - Prêmio do Salão
1971 - Santo André SP - 4º Salão de Arte Contemporânea de Santo André, no Paço Municipal
1971 - São Paulo SP - 3º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1972 - Bruxelas (Bélgica) - Image du Brésil
1972 - Florianópolis SC - 1º Salão da Ilha de Santa Catarina
1972 - Rio de Janeiro RJ - 50 Anos de Arte Moderna, no MAM/RJ
1972 - Rio de Janeiro RJ - Domingos de Criação, no MAM/RJ
1972 - Santo André SP - 5º Salão de Arte Contemporânea de Santo André, no Paço Municipal
1972 - Trieste (Itália) - 1º Congresso Europeu de Arte Fantástica
1974 - Barcelona (Espanha) - Arte Gráfico Brasileño de Hoy - itinerante
1974 - Madri (Espanha) - Arte Gráfico Brasileño de Hoy - itinerante
1975 - Belo Horizonte MG - 7º Salão de Arte de Belo Horizonte, no Museu Universitário Augusto Mota
1975 - Lisboa (Portugal) - Coletiva de Artes Gráficas Brasileiras, na Fundação Calouste Gulbenkian
1975 - Paris (França) - Coletiva de Artes Gráficas Brasileiras, no Musée Galliera
1975 - Viena (Áustria) - Coletiva de Artes Gráficas Brasileiras, na Albertina de Viena
1976 - São Paulo SP - Mostra Inaugural, na Galeria Skultura
1978 - Penápolis SP - 3º Salão de Artes Plásticas da Noroeste, na Fundação Educacional de Penápolis. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Penápolis
1978 - Rio de Janeiro RJ - 18º Arte e Pensamento Ecológico, na Biblioteca Euclides da Cunha
1978 - São Paulo SP - 10º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1978 - São Paulo SP - Mostra, no Sesc
1979 - Recife PE - Escultura Brasileira, na Galeria Artespaço
1982 - Penápolis SP - 5º Salão de Artes Plásticas da Noroeste, na Fundação Educacional de Penápolis. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Penápolis
1982 - Santo André SP - 10º Salão de Arte Contemporânea de Santo André, no Paço Municipal
1984 - São Paulo SP - Arte Xerox Brasil, na Pinacoteca do Estado
1984 - São Paulo SP - Sonia von Brüsky e Lothar Charoux, na Galeria Grossman
1985 - Penápolis SP - 6º Salão de Artes Plásticas da Noroeste, na Fundação Educacional de Penápolis. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Penápolis
1985 - São Paulo SP - Artistas e Futebol, na Galeria Grossman
1985 - São Paulo SP - Coletiva, na Traço Galeria de Arte
1987 - Nova York (Estados Unidos) - Connections Project Conexus, no Museum of Contemporary Hispanic Art
1987 - São Paulo SP - Quadros Redondos, na Galeria Grossman
1988 - Albany (Estados Unidos) - Coletiva Internacional de Mail Art
1988 - Campinas SP - Coletiva Internacional de Mail Art
1988 - Hamburgo (Alemanha) - 800 Anos de Hamburgo, na MAAT
1988 - Lublin (Polônia) - Coletiva Internacional de Mail Art
1989 - Hamburgo (Alemanha) - Kunstlabor Szszesny
1991 - Araraquara SP - Coletiva, no Museu Voluntários da Pátria
1991 - Greenboro (Estados Unidos) - International Mail Art Exhibition
1991 - São Paulo SP - Homenagem a Israel, na Galeria Grossmann
1991 - São Paulo SP - Projeto: 100 anos de Paulista, na Casa das Rosas
1992 - São Paulo SP - A Sedução dos Volumes: os tridimensionais do MAC, no MAC/USP
1992 - São Paulo SP - Descoberta da América, no Sesc
1993 - São Paulo SP - Exposição Luso-Nipo-Brasileira, no MAB-FAAP
1994 - São Paulo SP - 1967/1975 X 1990: Objetos, Trecos, Coisas, Desenhos-Amarelinhas, no MAB-FAAP
1994 - São Paulo SP - Bandeiras: 60 artistas homenageiam os 60 anos da USP, no MAC/USP
1996 - Osasco SP - Expo FIEO: doação Luiz Ernesto Kawall, no Centro Universitário Fieo
1996 - Rio de Janeiro RJ - Construção, Medida e Proporção, no CCBB
1996 - Rio de Janeiro RJ - Tendências Construtivas no Acervo do MAC USP: construção, medida e proporção, no CCBB
1996 - São Paulo SP - Bandeiras, na Galeria de Arte do Sesi
1998 - Brasília DF - Cien Recuerdos para Garcia Lorca, no Espaço Cultural 508 Sul
2001 - Osasco SP - Três Contemporânes, no Centro Universitário Fieo
2003 - São Paulo SP - MAC USP 40 Anos: interfaces contemporâneas, no MAC/USP
2004 - São Paulo SP - 22ª Exposição de Artistas Contemporâneos, no Esporte Clube Sírio
2005 - São Paulo SP - Nave dos Insensatos, no MAC/USP
2005 - São Paulo SP - Pequenas Grandes Obras, no Cultural Blue Life

Fonte: Itaú Cultural

VEJA TAMBÉM

Aluísio Carvão - Sem Titulo
Sem Titulo
Maria Tereza Louro - Ave Moça, Linha Nova Manhã
Ave Moça, Linha Nova Manhã
Eliana Minillo - Notre Dame Des Désirs (Díptico)
Notre Dame Des Désirs (Díptico)
Lula Cardoso Ayres - Sem Título
Sem Título