Escritoriodearte.com > Artistas > Paulo de Tarso

Paulo de Tarso

OBRAS DO ARTISTA

Paulo de Tarso - Sem Título

Sem Título

metal monocromado
2005
120 x 110 x 25 cm
ass. no verso


Preço: Sob Consulta

Leilão de Artes Online

BIOGRAFIA

Paulo de Tarso Oliva Barreto (São Paulo SP 1960)

Gravador, professor.

Em 1980 inicia seus estudos na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo - FAU/USP. Em 1985, realiza com o uso de computador o vídeo Pulsar, que é premiado como o melhor video clipe VHS no 3º Videobrasil. Faz curso de gravura em metal em 1988 com Alex Cerveny no Museu de Arte Moderna de São Paulo - MAM/SP, e, em 1989, com Laurita Salles e Evandro Carlos Jardim no Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo - MAC/USP. Desde 1992, trabalha como orientador na área de computação gráfica do Atelier Experimental de Gravura Francesc Domingo, no MAC/USP, e organiza exposições sobre gravura, atuando como curador. Em 1995, inicia mestrado na área de poéticas visuais na Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo ECA/USP com orientação de Jardim. Ministra aulas de pintura e desenho na Associação Rodrigo Mendes, em 1998, e de desenho com modelo vivo no Centro Universitário Maria Antônia da Universidade de São Paulo - Ceuma/USP, em 2002. A partir desse ano leciona na Faculdade do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial - Senac, nas áreas de desenho, gravura, pintura e meios digitais.

Comentário Crítico

Paulo Tarso Barreto inicia sua formação acadêmica em arquitetura na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo - FAU/USP, e no meio do curso sofre um grave acidente que o deixa tetraplégico. Após dois anos, retorna à faculdade e começa a utilizar o computador para realizar alguns vídeos. Um deles, Pulsar, 1985, é premiado no 3º Videobrasil. Em 1988 passa a se interessar pelas artes plásticas e faz cursos de gravura com alguns professores, entre eles Evandro Carlos Jardim, que exercem grande influência em sua produção.

No início dos anos 1990, Barreto retoma seus trabalhos com o computador, obtém mais possibilidades de interação e de acesso, e busca maneiras de voltar a desenhar. Em sua pesquisa de mestrado aborda o uso desse meio como forma de livre expressão. Suas referências visuais partem de desenho de observação, imagens fotográficas, televisivas e, atualmente, da internet, que o artista chama de "janela da mídia". Dessas imagens ele seleciona situações, cenas, símbolos e ícones, trabalhando com colagens, desenhos, pinturas, gravuras e com os meios digitais. As imagens das quais se apropria se deformam e se transformam com as interferências plásticas e gráficas que faz, propondo ao espectador uma contemplação não imediata.

Exposições Individuais

1994 - Curitiba PR - Alegorias e Adereços, no Museu da Gravura Cidade de Curitiba
2000 - São Paulo SP - Exposição de desenhos, no CEUMA/USP (ocasião da defesa de dissertação de mestrado O Desenho e o Computador, pela ECA/USP)
2001 - Porto Alegre RS - Individual, no Museu do Trabalho
2003 - São Paulo SP - Cadillacs e Outras Máquinas, na Biblioteca Alceu de Amoroso Lima
2003 - São Paulo SP - XV (quinze anos de atividade), na Galeria Graphias
2004 - Porto Alegre RS - Individual de gravuras, no Espaço Muffuletta
2005 - Porto Alegre RS - Individual, no Museu do Trabalho

Exposições Coletivas

1989 - Salão dos Artistas de Santo Amaro
1990 - Belo Horizonte MG - Salão de Belo Horizonte
1990 - Curitiba PR - Coletiva, no Museu de Gravura Cidade de Curitiba
1990 - Ribeirão Preto SP - 15º Salão de Ribeirão Preto
1990 - São Paulo SP - Coletiva de 8 gravadores, no CCSP
1991 - São Paulo SP - Mostra dos selecionados do CCSP-1991, no Masp
1992 - Ribeirão Preto SP - 17º Salão de Ribeirão Preto
1992 - São Paulo SP - Arte Contemporânea: Produções Recentes, na Fundação Bienal
1993 - São Paulo SP - Brasil: Pequenos Formatos, Poucas Palavras, na Documenta Galeria de Arte
1993 - Curitiba PR - Atelier Experimental de Gravura Francesc Domingo, no Museu da Gravura Cidade de Curitiba
1993 - Londrina PR - Gravuras em Metal, na Sala Celso Garcia Cid
1993 - Marringá PR - Gravuras em Metal, no Paço Municipal. Hall do Auditório Hélio Moreira
1993 - Ribeirão Preto SP - 7 Gravadores, no Marp
1993 - San Juan (Porto Rico) - 10ª Bienal de San Juan del Grabado Latino Americano y del Caribe
1993 - Santos SP - 4ª Bienal de Santos, no Centro Cultural Patrícia Galvão
1993 - São Paulo SP - Dois Gravadores, na Galeria Sesc Paulista (com Luciano Bortoletto)
1993 - São Paulo SP - Salão de Aquarela da Faculdade Santa Marcelina
1993 - Sarajevo (Bósnia-Herzegóvina) - 1ª Mini Print Slovenija International Sarajevo Art Aid, na Rotova Galllery, Maribor
1994 - São Paulo SP - Anos 90: A Gravura Contínua, no CCSP
1994 - São Paulo SP - Exposição Atelier Experimental de Gravura Francesc Domingo, no MAC/USP. Galeria Café
1995 - São Paulo SP - Gravura Paulista, na Galeria de Arte São Paulo
1995 - São Paulo SP - 2º Prêmio Gunther de Pintura, no MAC/USP - menção honrosa
1996 - São Paulo SP - Oito Arquitetos Artistas, no Museu da FAU/USP
1998 - São Paulo SP - Vem pro Bixiga, no Museu do Bixiga
1999 - Curitiba PR - 12ª Mostra da Gravura de Curitiba. Mostra Brasil
1999 - Fontenay-Sous-Bois (França) - 9º Salon de L'éphémère
1999 - São Paulo SP - Novelli Imagem, organização CCSP (projeto que convidou 15 artistas para realizarem 15 outdoors que são mostrados na cidade ao longo de 1 ano)
2000 - Curitiba PR - 12ª Mostra da Gravura de Curitiba. Marcas do Corpo, Dobras da Alma, na Fundação Cultural de Curitiba
2000 - São Paulo SP - 1ª Coletiva dos Artistas do Ateliê de Gravuras do Sesc Pompéia
2000 - Eslovênia - The World Festival of Art on Paper Kranj 2000
2001 - São Paulo SP - 2ª Coletiva dos Artistas do Ateliê de Gravuras do Sesc Pompéia
2002 - Porto Alegre RS - Madeira e Metal, no Museu do Trabalho
2002 - São Paulo SP - Arte e Tecnologia, no Espaço Cultural Prodam
2002 - São Paulo SP - Auto-Retrato, na Galeria da Faculdade de Comunicações e Artes no do Senac
2003 - São Paulo SP - Diversidarte, no Hotel Melliá
2003 - São Paulo SP - Olhares sobre o Pompéia dos Artistas do Ateliê de Gravuras do Sesc Pompéia
2003 - São Paulo SP - Parede com 36 desenhos, no Memorial da América Latina. Pavilhão da Diversidade Latino-Americana
2004 - São Paulo SP - Correndo o Risco, na Galeria da Faculdade de Comunicações e Artes do Senac
2004 - São Paulo SP - Uma Viagem de 450 Anos, na Área de Convivência do Sesc Pompéia

Fonte: Itaú Cultural

VEJA TAMBÉM

Eliana Minillo - Madame Du Barry e Les Insoumises
Madame Du Barry e Les Insoumises
Bruno Giorgi - Dorso Feminino
Dorso Feminino
Antonio Dias - Sem Título
Sem Título
Tarsila do Amaral - Vista de Fazenda, Carro de Boi e torre de igreja - Série Viagem a Minas
Vista de Fazenda, Carro de Boi e torre de igreja - Série Viagem a Minas