Escritoriodearte.com > Artistas > Maria Lídia Magliani

Maria Lídia Magliani

OBRAS DO ARTISTA

Este artista não possui obras em nosso acervo.

Você possui uma obra deste artista e quer vender?

Após logar no site, clique em 'Avaliações' e envie sua obra.

BIOGRAFIA

Maria Lídia Magliani (Pelotas RS 1946 - Rio de Janeiro RJ 2012)

Pintora, desenhista, gravadora, ilustradora, figurinista, cenógrafa.

Reside em Porto Alegre desde 1950. Na década de 1960, cursa artes plásticas (1963/1967) e pós-graduação em pintura (1967/1968) na Escola de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS. Realiza sua primeira exposição individual em 1966, na Galeria Espaço. Em 1974, faz o curso de aperfeiçoamento em litografia, no Ateliê Livre da Prefeitura Municipal de Porto Alegre.

Críticas

"Avessa a comercialismos, em sua obra privilegia a figura humana: a luta e o dilaceramento da mulher, o homem e as privações da vida social, entre outros temas, são expressos de maneira pungente e radical. Realizou ilustrações para livros e jornais, cenários e figurinos para teatro".
Márcio Martínez
EXPRESSIONISMO no Brasil: heranças e afinidades. São Paulo: Fundação Bienal de São Paulo, 1985.

"Maria Lídia Magliani faz uma pintura de cores vibrantes e pincelada solta, gestual, de onde surgem, com enorme liberdade de forma, os personagens urbanos que escolheu retratar desde há muito tempo - 15 anos - explorando com eles sempre novas sutilezas, tanto na superfície visual da tela como nos caminhos para o nosso olhar interior. Dilacerada e trágica, a arte de Magliani discute as relações humanas e suas dificuldades. O universo de sua pintura é a multidão anônima das ruas, onde flagra as expressões e decepções das pessoas que trafegam no limite entre a submissão e a resistência. Mas também pode ser a cena contida entre quatro paredes, os impasses da afetividade onde, observa ela, ´os homens nunca se despem, nunca se entregam´. Fiel ao expressionismo durante toda a carreira, mesmo quando os modismos apontavam em outra direção, ela não fez dessa opção uma fórmula. A pintura que faz não se parece com a que fazia a alguns anos, mas todas elas guardam grande coerência".
Angélica de Moraes
GRUPO Gaúcho: pintura. São Paulo: Centro Cultural Bonfiglioli, 1985.

Exposições Individuais

1966 - Porto Alegre RS - Individual, na Galeria Espaço
1976 - Porto Alegre RS - Individual, no Margs
1977 - Porto Alegre RS - Individual, na Galeria do IAB/RS
1981 - São Paulo SP - Individual, na Pinacoteca do Estado
1983 - Assunção (Paraguai) - Individual, no Centro de Estudos Brasileiros
1983 - Santa Maria RS - Individual, na UFSM
1984 - Porto Alegre RS - Individual, na Galeria Tina Presser
1987 - Brasília DF - Individual, na Galeria Espaço Capital
1987 - Porto Alegre RS - Individual, na Galeria Tina Presser
1987 - Porto Alegre RS - Individual, no Margs
1987 - São Paulo SP - Individual, na Paulo Figueiredo Galeria de Arte
1989 - Pelotas RS - Individual, na Galeria Municipal de Arte
1990 - São João Del Rey Tiradentes MG - Em Gerais Magliani, na Galeria Tina Zappoli
2003 - Rio de Janeiro RJ - Retratos de Nínguém, no Atelier DZ9

Exposições Coletivas

1967 - Campinas SP - 3º Salão de Arte Contemporânea de Campinas, no Museu de Arte Contemporânea José Pancetti
1977 - Goiás GO - 4º Salão de Artes Plásticas de Goiás, na Caixa Econômica Federal de Goiás - prêmio aquisição
1977 - Porto Alegre RS - Salão de Desenho, no Margs - primeiro prêmio
1979 - Belo Horizonte MG - Figuração Referencial, no MABH
1979 - São Paulo SP - 11º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP 
1979 - Washington (Estados Unidos) - Coletiva de Artistas Gaúchos, na Embaixada do Brasil
1980 - São Paulo SP - 12º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1981 - Curitiba PR - Artistas Gaúchos no Paraná, no Solar do Rosário
1981 - Curitiba PR - Desenho e Gravura no Rio Grande do Sul, no Museu de Arte do Paraná
1981 - São Paulo SP - Arte sobre Papel, na Galeria Suzanna Sassour
1983 - Porto Alegre RS - Do Passado ao Presente: as artes plásticas no Rio Grande do Sul, no Cambona Centro de Artes
1983 - Rio de Janeiro RJ - 6º Salão Nacional de Artes Plásticas, no MAM/RJ 
1983 - São Paulo SP - 14º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1983 - São Paulo SP - Projeto Arte na Rua (outdoor), no MAC/USP
1984 - Fortaleza CE - 7º Salão Nacional de Artes Plásticas 
1984 - Rio de Janeiro RJ - 7º Salão Nacional de Artes Plásticas, no MAM/RJ 
1985 - São Paulo SP - 18º Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal
1985 - São Paulo SP - Grupo Gaúcho: pintura, na Galeria Alberto Bonfiglioli
1986 - Buenos Aires (Argentina) - Bienal Latino-Americana de Arte sobre Papel
1986 - São Paulo SP - 17º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP 
1987 - São Paulo SP - 18º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/ SP
1988 - São Paulo SP - A Mão Afro-Brasileira, no MAM/SP 
1989 - Porto Alegre RS - Arte Sul 89, no Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli
1991 - Porto Alegre RS - Exposição Atelier Livre: 30 anos - alunos artistas, no Atelier Livre da Prefeitura de Porto Alegre
1993 - São Paulo SP - 23º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP 
1996 - Porto Alegre RS - Natureza Humana, na Galeria Tina Zappoli
1999 - Porto Alegre RS - Garagem de Arte: mostra inaugural, na Garagem de Arte 
2000 - Porto Alegre RS - Figura na Pintura: Acervo Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul, no Museu de Arte Contemporânea
2002 - Porto Alegre RS - Desenhos, Gravuras, Esculturas e Aquarelas, no Garagem de Arte 
2003 - Porto Alegre RS - Humanidades, na Galeria Tina Zappoli
2005 - Porto Alegre RS - A Reunião, na Galeria Tina Zappoli

Fonte: Itaú Cultural

VEJA TAMBÉM

Otto Stupakoff - la troque - frança
la troque - frança
Clóvis Graciano - Músico e Capoeira
Músico e Capoeira
Arcangelo Ianelli - Vibrações
Vibrações