Escritoriodearte.com > Artistas > Maria Cristina Guerra

Maria Cristina Guerra

OBRAS DO ARTISTA

Este artista não possui obras em nosso acervo.

Você possui uma obra deste artista e quer vender?

Após logar no site, clique em 'Avaliações' e envie sua obra.

Leilão de Artes Online

BIOGRAFIA

Maria Cristina Guerra Mendes de Almeida (Lourenço Marques - atual Maputo, Moçambique 1960)

Fotógrafa. Moçambicana radicada em São Paulo, forma-se em arquitetura e urbanismo pela Faculdade de Belas Artes de São Paulo, em 1985. Entre 1983 e 1985, estagia na Hidroservice - Escritório de Arquitetura e Engenharia. Em 1991, realiza a individual Auto-Retrato, no Museu da Imagem e do Som - MIS/SP, em São Paulo. Recebe, em 1993, o 1º Prêmio Estímulo de Fotografia, pela realização do ensaio fotográfico Apropriações, em São Paulo. Inicialmente autodidata no campo da fotografia, estuda restauração fotográfica por computação gráfica no Laboratório Prócolor, em 1995, atuando desde então nessa área. Nesse período, participa de uma oficina de fotografia com José Fujocka Neto (1969). Seu universo preferencial de atuação é a fotografia de expressão pessoal, no qual utiliza sua afinidade com o retrato para discutir a questão da identidade. De 1998 a 2000, participa do projeto A Imagem do Som de Caetano Veloso e de Chico Buarque, no Paço Imperial, no Rio de Janeiro, e no Centro Cultural Jorge Luis Borges, em Buenos Aires. Em 2001, ministra o workshop Fotografia Obrigatória, na Oficina Cultural Oswald de Andrade, no 5º Mês Internacional da Fotografia, em São Paulo.

Comentário Crítico

Cristinaguerra explora em seus trabalhos a questão da identidade. As obras Cenário, 1995, e Retratos, 1989/1997, são compostas de retratos instantâneos polaroid reunidos em gigantescos painéis que, vistos a distância, remontam à textura de um mosaico pelas manchas cromáticas que os pontilham e os definem. Porém, quando observados de perto, esses painéis revelam uma multiplicidade de poses padronizadas. A intervenção da artista é precisa na organização dos painéis, como em Cenário, organização ditada por padrões cromáticos e características físicas. Ou em A Medida do Olhar, 1994, uma seqüência de pessoas fotografadas de olhos fechados.

Em Retratos, as possibilidades combinatórias multiplicam-se. Trata-se de um painel com por 32.832 fotografias para documentos de identidade, descartadas pelos fotografados e coletadas pela artista em cabines fotográficas instantâneas. Cristinaguerra também recebe doações, como em Objetofoto-Coleta. Realizado desde 1993, ela fornece aos espectadores baleiros de vidro em que possam depositar retratos 3x4.
 
Em parte, esses trabalhos são resultantes do contato direto que Cristinaguerra estabelece, desde 1989, com os estúdios fotográficos populares, dos quais se torna assídua freqüentadora. Afirma trabalhar não com imagens exemplares, mas "com grandes quantidades de material, estabelecendo uma nova forma de utilização das fotografias de identidade". A artista confere dimensão crítica ao material de que se apropria graças às disposições peculiares.

Críticas

"Cristina Guerra e Rochelle Costi são fotógrafas profissionais que basearam grande de seus trabalhos na apropriação de imagens fotográficas para construir objetos e/ou instalações. Desde o início da década, Costi utiliza fotos de várias procedências, às quais adiciona os mais diversos materiais para conseguir resultados cheios de humor e pungente ironia, na produção de objetos que chamam a atenção. Cristina Guerra começou por desenvolver objetos perversos e altamente nostálgicos a partir de antigas fotos de mulheres em poses convencionais. Atualmente ela se dedica à coleção de fotos de identificação, estabelecendo ´tipologias de brasileiros´ que despertam grande interesse sociológico e estético".
Tadeu Chiarelli
CHIARELLI, Tadeu. Photography in Brazil in the 1990s. LAPIZ - Revista Internacional de Arte, 134-135, p. 117-123. Espanha, ano XVI.

Depoimentos

"A fotografia é por mim desenvolvida de diferentes formas. Um trabalho fotojornalístico, editorial, um trabalho mais intimista fotografando casamentos e um trabalho pessoal - artístico como artista visual - onde desenvolvo um trabalho com apropriação de imagens fotográficas. Além de desenvolver um trabalho com restauração fotográfica".

Exposições Coletivas

1986 - Curitiba PR - 7º Mostra de Desenho Brasileiro, no MAC/PR
1986 - São Paulo SP - 4º Salão Nacional de Arte Contemporânea, na Fundação Bienal
1990 - São Paulo SP - Des Tro Sos, exposição de objetos, Funarte, na Sala Mario Schenberg
1990 - São Paulo SP - Fotojornalistas Brasileiros, Anos 80 e 90, no MIS/SP
1990 - São Paulo SP - Fotoobjeto, Foto de Autor, exposição de fotos e objetos, no MIS/SP
1991 - São Paulo SP - Auto-Retrato, Foto do Autor, no MIS/SP
1992 - Rio de Janeiro RJ - Além da Fotografia, na EAV/Parque Lage
1993 - Rio de Janeiro RJ - Certa Fotografia, na EAV/Parque Lage
1993 - São Paulo SP - Homem Sanduíche, na Praça Ramos de Azevedo.
1993 - São Paulo SP - Na Falta da Verdade, na Galeria Casa Triângulo
1993 - São Paulo SP - Retratos - MIS Visita a Casa das Rosas, na Casa das Rosas
1993 - São Paulo SP - Uma Fotografia Outra, no Espaço Useche
1994 - Rio de Janeiro RJ - Na Falta da Verdade, na EAV/Parque Lage
1994 - São Paulo SP - Cada Vez Me Pareço Menos com Minha Foto 3x4, no CCSP
1994 - São Paulo SP - Programa Anual de Exposições de Artes Plásticas, no CCSP
1995 - São Paulo SP - 5 Expressões, instalações, construção, desconstrução, no MIS/SP
1995 - São Paulo SP - Coletiva Brasileira de Retratos Anos 80 e 90, integrante do 2º Mês Internacional da Fotografia de São Paulo, no Espaço Cultural Faap
1995 - São Paulo SP - Objeto Foto/Coleta, instalação de nove objetos para coleta de fotografias entre o público visitante do 2º Mês Internacional da Fotografia, no Masp, no CCSP, na Fundação Bienal, no MAC/USP, na Faap, no Sesc e na Aliança Francesa
1995 - São Paulo SP - Painel Fotográfico - Cenário, realização de painel fotográfico com 9. 216 fotos 3x4 dos funcionários da TV Cultura para constituir cenário do programa Metrópolis
1996 - São Paulo SP - Mitologias Urbanas, no MAC/USP
1996 - São Paulo SP - Produção Contemporânea I (seleção ao Prêmio Estímulo de Fotografia), realizada no projeto Panorama da Imagem, Oficina de Estudos e Criação Fotográfica, Oficina Cultural Oswald de Andrade
1997 - Rio de Janeiro RJ - Identidade/Não-Identidade, Fotografia Brasileira Contemporânea, no Centro Cultural Light
1997 - São Paulo SP - Identidade/Não-Identidade, Fotografia Brasileira Contemporânea, no MAM/SP
1998 - Rio de Janeiro RJ - A Imagem do Som de Caetano Veloso, no Paço Imperial
1998 - Rio de Janeiro RJ - 16º Salão Nacional de Artes Plásticas, no MAM/RJ
1998 - São Paulo SP - City Canibal, no Paço das Artes
1998 - São Paulo SP - Programa Anual de Exposições de Artes Plásticas, no CCSP
1999 - Rio de Janeiro RJ - A Imagem do Som de Chico Buarque, no Paço Imperial
2001 - Belo Horizonte MG - Pose Detida, no Centro Cultural UFMG
2001 - São Paulo SP - Pose Detida, na Oficina Cultural Oswald de Andrade
2002 - Brasília DF - Salas da Memória, no Espaço Cultural Contemporâneo Venâncio
2003 - Rio de Janeiro RJ - 11ª Universidarte, na Universidade Estácio de Sá

Fonte: Itaú Cultural

VEJA TAMBÉM

Sérgio Ferro - Chorinho
Chorinho
José Antônio da Silva - Nascimento de Cristo
Nascimento de Cristo
Antonio Henrique Amaral - Rotura Umbelical
Rotura Umbelical
Manabu Mabe - Sem Título
Sem Título