Escritoriodearte.com > Artistas > Lucia Koch

Lucia Koch

OBRAS DO ARTISTA

Este artista não possui obras em nosso acervo.

Você possui uma obra deste artista e quer vender?

Após logar no site, clique em 'Avaliações' e envie sua obra.

BIOGRAFIA

Lucia Koch (Porto Alegre RS 1966)

Artista multimídia, escultora, fotógrafa.

Obtém, em 1989, bacharelado e licenciatura em artes plásticas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), onde, em 2000, se torna mestre em artes visuais. Conclui, em 2004, doutorado em poéticas visuais, na Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP), com orientação de Carlos Fajardo (1941). Participa, em 1992, da fundação do Grupo Arte Construtora, cooperativa de artistas cuja proposta é ocupar espaços inusitados com suas intervenções, produzindo-as de forma autônoma. Participa, ao lado dos artistas Mônica Nador (1955) e Fernando Limberger, do Jardim Miriam Arte Clube (Jamac), realizando projetos artísticos na periferia paulistana. Apresenta sua primeira exposição individual, Esculturas, em 1988 no Espaço Alternativo, Fundação Nacional de Arte (Funarte), no Rio de Janeiro. Entre as coletivas, participa da 2ª e da 5ª Bienal de Artes Visuais do Mercosul, respectivamente em 1997 e 2005. Integra a Bienal de Pontevedra, Espanha, em 2000, e no ano seguinte apresenta trabalhos no Panorama da Arte Brasileira, no Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM/SP) e na Squatters/Ocupações, em Porto, Portugal. Em 2004, recebe o Prêmio Marcantonio Vilaça para as artes plásticas. Atualmente, vive em São Paulo e ministra aulas no curso de artes plásticas da Fundação Armando Álvares Penteado (Faap).

Comentário Crítico

Desde meados dos anos 1990, Lúcia Koch trabalha com intervenções em espaços expositivos explorando a incidência e a percepção da luz e os fenômenos daí resultantes: cores, nuances, sombras, refração, projeção. Em suas obras, a luz deve ser entendida como elemento que interfere na percepção e interação do homem com o ambiente. É assim, por exemplo, em Conforto, 1994, na qual lâmpadas infravermelhas de secagem industrial são espalhadas pelas varandas de um casarão.

O diálogo de Lúcia com questões próprias à pintura - campo que tradicionalmente lida com os efeitos da luz sobre os corpos - torna-se claro em Iluminadores, 1995. Dois monitores de TV são colocados frente a frente, exibindo imagens de uma peça de tecido jeans azul. Ao se aproximar da obra, o espectador passa a fazer parte dela, pois se torna anteparo para a luz azul vinda dos monitores. A participação do espectador é o cerne de outra obra, Parede RGB, 2002. Instalada num corredor do Museu de Arte Moderna de São Paulo, consiste em vários refletores com filtros vermelhos, verdes e azuis, que projetam na parede uma luz aparentemente branca, resultado da mistura no espaço das cores primárias. Os corpos dos passantes atuam como anteparos que desdobram em sombras coloridas a composição daquela luz. Sobre esta obra, a artista comenta: "A arquitetura dos espaços, mas principalmente seu uso, é o que me interessa. Isso porque o lugar é uma coisa viva que existe no tempo". 

Exposições Individuais

1988 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Galeria Espaço Alternativo - Funarte/Ibac
1990 - São Paulo SP - Individual, no CCSP
2001 - São Paulo SP - Fundos, no CCSP
2001 - Porto Alegre RS - Remistura O.A., na Galeria Obra Aberta
2002 - São Paulo SP - Parede RGB, no MAM/SP
2004 - São Paulo SP - Individual, no Espaço Maria Bonita
2005 - São Paulo SP - Matemática Moderna, na Galeria Casa Triângulo

Exposições Coletivas

1987 - Porto Alegre RS - Escultura Contemporânea, no Margs
1987 - Porto Alegre RS - Mucosa e Salão Performance, com Elaine Tedesco e Marion Rolim
1988 - Rio de Janeiro RJ - Projeto Macunaíma, na Funarte/Centro de Artes
1989 - Rio de Janeiro RJ - 11º Salão Nacional de Artes Plásticas, na Funarte
1990 - São Paulo SP - Programa Anual de Exposições de Artes Plásticas, no CCSP
1991 - Belo Horizonte MG - O Sentido Noturno, videoinstalação, com Elaine Tedesco, no Forumbhzvídeo, Centro Cultural da UFMG
1991 - Porto Alegre RS - O Sentido Noturno, videoinstalação, com Elaine Tedesco, na Torre do Centro Cultural do Departamento Municipal de Água e Esgotos
1991 - Porto Alegre RS - Paisagem, na Usina do Gasômetro
1992 - Porto Alegre RS - Câmaras, no Solar dos Câmara
1994 - Rio de Janeiro RJ - Arte Construtora, no Parque Modernista e no Solar Grandjean de Montigny, no Centro Cultural da PUC/RJ
1994 - São Paulo SP - Espelhos e Sombras, no MAM/SP
1995 - Rio de Janeiro RJ - Corte do Olhar, no MAM/RJ
1995 - RIo de Janeiro RJ - Espelhos e Sombras, no CCBB
1995 - Salvador BA - Luz na Arte/Arte da Luz, no Goethe Institut
1995 - São Paulo SP - Corte do Olhar, no MAM/SP
1996 - Porto Alegre RS - Arte Construtora, na Ilha da Casa da Pólvora
1996 - São Paulo SP - Antarctica Artes com a Folha, no Pavilhão Manoel da Nóbrega do Parque Ibirapuera
1997 - Berlim (Alemanha) - Correntes Alternadas, Wechsel Storm, no Instituto Cultural Brasileiro na Alemanha
1997 - Buenos Aires (Argentina) - Porto Alegre em Buenos Aires - 25 x 25, no Centro Cultural Recoleta
1997 - São Paulo SP - Ao Cubo, no Paço das Artes
1997 - São Paulo SP - United Artists 3 - Luz, na Casa das Rosas
1999 - Porto Alegre RS - 2ª Bienal de Artes Visuais do Mercosul
1999 - São Paulo SP - Território Expandido, no Sesc Pompéia
2000 - Florianópolis SC - 7º Salão Nacional Victor Meirelles, no Masc
2000 - Pontevedra (Espanha) - 26ª Bienal de Arte de Pontevedra, no Pazo da Cultura de Pontevedra
2000 - Porto Alegre RS - [bah]Zart Contemporâneo, na Galeria Chaves
2000 - Porto Alegre RS - Documentos de Trabalho, na Pinacoteca Barão de Santo Ângelo
2001 - São Paulo SP - 27º Panorama de Arte Brasileira, no MAM/SP
2001 - Pontevedra (Espanha) - 27ª Bienal de Arte de Pontevedra
2001 - Nova York (Estados Unidos) - Masterbox, no Printed Matter Inc.
2001 - São Paulo SP - Território Expandido, no Sesc Pompéia
2001 - São Paulo SP - Programa Anual de Exposições de Artes Plásticas, no CCSP
2001 - Porto Alegre RS - 3ª Bienal de Artes Visuais do Mercosul, no MARGS
2001 - São Paulo SP - Trajetória da Luz na Arte Brasileira, no Itaú Cultural
2001 - Porto (Portugal) - Squatters - Ocupações
2002 - Curitiba PR - Obras do Faxinal das Artes, no MAC/PR
2002 - Curitiba PR - Matéria Prima, no NovoMuseu
2002 - Rio de Janeiro RJ - 27º Panorama de Arte Brasileira, no MAM/RJ
2002 - Rio de Janeiro RJ - A Imagem do Som do Rock Pop Brasil, no Paço Imperial
2002 - Rio de Janeiro RJ - Artefoto, no CCBB
2002 - Salvador BA - 27º Panorama de Arte Brasileira, no MAM/BA
2002 - São Paulo SP - Paralela, em galpão na Avenida Matarazzo, 530
2002 - Nova York (Estados Unidos) - Shift, no CCS Bard College
2003 - Instambul (Turquia) - 8ª Bienal de Instambul
2003 - Brasília DF - Artefoto, no CCBB
2003 - São Paulo SP - Casa Triângulo, na Casa Triângulo
2003 - São Paulo SP - Subversão dos Meios, no Itaú Cultural
2004 - Porto Alegre RS - Hiper Relações Eletrodigitais, no Santander Cultural
2004 - Rio de Janeiro RJ - Novas Aquisições 2003: Coleção Gilberto Chateubriand, no MAM/RJ
2004 - Stuttgart (Alemanha) - Entre Pindorama, no Künstlerhaus
2004 - São Paulo SP - Pintura Reencarnada, no Paço das Artes
2004 - Siena (Itália) - Ipermercati dell'Arte, no Palazzo delle Papesse
2004 - São Paulo SP - Sonar - Life Goes Mobile, no Instituto Tomie Ohtake
2004 - Recife PE - Coleção Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães: doações 2001 - 2004, no Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães - MAMAM
2005 - São Paulo SP - Prêmio CNI SESI Marcantonio Vilaça para Artes Plásticas 
2005 - Porto Alegre RS - 5ª Bienal de Artes Visuais do Mercosul 
2005 - Gothenburg (Suécia) - 3ª Bienal de Gothenburg
2005 - São Paulo SP - Coletiva, na Galeria Vermelho
2006 - Berlim (Alemanha) - Interventions, no Haus der Kulturen der Welt 
2006 - Recife PE - Mostra Itinerante do Prêmio CNI SESI Marcantonio Vilaça para Artes Plásticas, no MAMAM
2006 - Caxias do Sul RS - Gravura em Metal: matéria e conceito no ateliê Iberê Camargo, no Centro Municipal de Cultura Dr. Henrique Ordovás Filho
2006 - São Paulo SP - Padrões e Padronagens, na Marília Razuk Galeria de Arte
2006 - São Paulo SP - 27ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal 
2006 - Berlim (Alemanha) - Interventions, Haus der Kulturen der Welt
2006 - Coréia do Sul (Seul) - Realities, no Seoul Art Museum
2007 - São Paulo SP - Itaú Contemporâneo: arte no Brasil 1981-2006, no Itaú Cultural

Fonte: Itaú Cultural

VEJA TAMBÉM

Victor Brecheret - Mulher Reclinada
Mulher Reclinada
Paulo Bruscky - Arte com Firma Reconhecida
Arte com Firma Reconhecida
Escola Cusquenha - Nossa Senhora da Conceição
Nossa Senhora da Conceição