Escritoriodearte.com > Artistas > José Roberto Cecato

José Roberto Cecato

OBRAS DO ARTISTA

Este artista não possui obras em nosso acervo.

Você possui uma obra deste artista e quer vender?

Após logar no site, clique em 'Avaliações' e envie sua obra.

BIOGRAFIA

José Roberto Cecato (São Paulo SP 1953)

Fotógrafo.

Abandona sucessivamente os cursos de engenharia eletrônica e física, antes de se formar em cinema pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP) em 1981. Trabalha com cinema entre 1976 e 1978, passando a atuar como fotojornalista nos quatro anos seguintes, chegando a exercer a presidência da União dos Fotógrafos do Estado de São Paulo, entre 1980 e 1983, tendo organizado, em 1980, a Feira da União dos Fotógrafos (fórum de debates e exposições). Direciona-se para a fotografia publicitária em fins da década de 80, perseverando nesse campo até hoje. A partir de sua transferência para a Itália, em 1991 (onde reside em Milão), passa a se dedicar de forma mais intensa aos trabalhos de expressão pessoal que procuram explorar e ampliar os limites do próprio suporte fotográfico. É agraciado com bolsas da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, em 1981; e da Fondazione Italiana per la Fotografia, em 1995.

Críticas

"A principal característica de sua fotografia, porém, se revela na busca da expressão pessoal - até mesmo quando atende a um layout. Na verdade, Cecato nunca deixou de lado o experimentalismo, a construção da linguagem. 'Meu interesse na fotografia vai muito mais por este lado, o de ser uma forma de expressão, de estar no mundo, do que o lance puro de uma profissão a mais', explica.
É por acreditar nisso que ele está sempre envolvido, de uma forma ou de outra, em atividades que visam a organizar os fotógrafos em torno de discussões sobre a arte e a técnica da fotografia. Foi assim que ele acabou sendo o primeiro presidente da União dos Fotógrafos do Estado de São Paulo, por exemplo, entidade que ajudou a fundar. É assim que ele participa hoje da Abrafoto".
Claudio Lucchesi Cavalca
Revista IrisFoto nº 440 - Portfolio, Brasil, 1990, p. 89.

Depoimentos

Pesquisa fotográfica

"Desde sempre, o meu interesse na vida e, conseqüentemente, na fotografia cai sobre temas subjetivos. Quanto ao aspecto técnico, há alguns anos venho desenvolvendo um trabalho em que a matéria é muito importante, trabalhando com papéis especiais e emulsionando à mão. Talvez a necessidade de encontrar um equilíbrio entre material e imaterial".

Trabalho artístico

"A fotografia é para mim um meio de confrontar-me com o mundo, certas vezes fixando o olhar sobre aquilo que é novo, estranho, curioso, quase como o gesto de colher amostras para analisar. Em outros momentos, o contrário, a projeção de uma idéia, uma sensação, um sentimento que, partindo do nada original do estúdio, se transforma em realidade, de imaginário em imagem. Exorcismo ou sublimação, uma coisa sempre me deixou um pouco atônito com a fotografia: o fato de que em qualquer imagem que faço vejo a mim mesmo".

Acervos

Bibliothèque Nationale de Paris - Paris (França)
Coleção Pirelli/Masp de Fotografias - São Paulo SP
Galerie du Château d'Eau - Toulouse (França)
Galleria Diaframma - Milão (Itália)
Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (Masp) - São Paulo SP

Exposições Individuais

1983 - São Paulo SP - Violência, Centro Cultural São Paulo
1988 - São Paulo SP - Entressafra, Art Director's Club
1994 - Colônia (Alemanha) - Metamorphoses, Constantin Post, Internationale Photoszene
1995 - Itália - Non C'È Nessuno, 6ª Biennale Internazionale de Fotografia
1995 - Milão (Itália) - Metamorphoses, Galleria Diaframma
1996 - Braga (Portugal) - Ninguém, Encontros da Imagem
1997 - Provence-Alpes-Côte d'Azur (França) - Il N'Y' a Personne (Ninguém), Printemps Photographique 1997
2008 - São Paulo SP - Trama, Galeria Virgílio

Exposições Coletivas

1980 - Rio de Janeiro RJ - Classe média brasileira, Funarte
1980 - Rio de Janeiro RJ - 6ª Mostra de Fotografia, Funarte. Galeria de Fotografia
1980 - Rio de Janeiro RJ - 7ª Mostra de Fotografia, Funarte. Galeria de Fotografia
1981 - México - 2º Colóquio Latino-Americano de Fotografia
1982 - Rio de Janeiro RJ - 11ª Mostra de Fotografia, Funarte. Galeria de Fotografia
1983 - Paris (França) - Brésil des Brésiliens, Centro Georges Pompidou
1983 - São Paulo SP - 17ª Bienal Internacional de São Paulo, Fundação Bienal
1990 - São Paulo SP - Dez Fotógrafos, Masp
1991 - São Paulo SP - Ícones, Casa da Fotografia Fuji
1992 - São Paulo SP - Retrato de Artista, Masp
1992 - Verona (Itália) - Eredi del Domani, Museo Casa di Giulietta
1993 - Milão (Itália) - Ai Confini della Fotografia, Galleria Diaframma
1993 - Milão (Itália) - Foto-Arte, Galeria Arte 92
1993 - Florença (Itália) - Brasile, Segni d'Arte, Biblioteca Nazionale
1993 - Milão (Itália) - Brasile, Segni d'Arte, Biblioteca Braidense
1993 - Veneza (Itália) - Brasile, Segni d'Arte, Fondazione Querini Stampaglia
1994 - Karlsruhe (Alemanha) - Award for International Photography, Fundação Ursula Blickle
1994 - Rio de Janeiro RJ - Livro-Objeto: a fronteira dos vazios, CCBB
1995 - Colônia (Alemanha) - Deutsche Fototage
1995 - Pulheim-Brauweiler (Alemanha) - Das Farbe Weiss, Kulturgeschichlichen Museum Osnabruck
1995 - São Paulo SP - 5ª Coleção Pirelli/Masp de Fotografias, Masp
1995 - São Paulo SP - Livro-Objeto: a fronteira dos vazios, MAM/SP
1996 - Curitiba PR - Brasil, mostra a tua cara, 1ª Bienal Internacional da Fotografia Cidade de Curitiba
2008 - São Paulo SP - Coletiva br 2008, Galeria Virgílio

Fonte: Itaú Cultural

VEJA TAMBÉM

Siron Franco - Sem Título
Sem Título
Clóvis Graciano - 3 Musicos
3 Musicos
Frans Krajcberg - Sem Titulo
Sem Titulo
Tunga - Sem Título
Sem Título