Escritoriodearte.com > Artistas > Frederico Dalton de Moraes

Frederico Dalton de Moraes

OBRAS DO ARTISTA

Este artista não possui obras em nosso acervo.

Você possui uma obra deste artista e quer vender?

Após logar no site, clique em 'Avaliações' e envie sua obra.

Leilão de Artes Online

BIOGRAFIA

Frederico Dalton de Moraes (Rio de Janeiro RJ 1960)

Fotógrafo.

Forma-se em comunicação social e cinema pela UFF, Niterói, em 1983. Realiza estudos de videoarte na Academia de Arte de Düsseldorf, com Nam June Paik e Nan Hoover, entre 1989 e 1992. Desenvolve pesquisa sobre a imagem, empregando projeção de slides e objetos em suas obras. Recebe prêmio do Museu de Arte de Brasília em 1998.

Críticas

"Frederico Dalton adota como base da fotografia que produz, por exemplo, a praia e seu movimento engraçado, triste, comum, mas sempre com o enfoque maior sobre as crianças, meninos de rua, de praia, que se encontram expostos - haja vista a faca (único reflexo, exatamente que não é a ilusão do reflexo) que a criança desafia em uma das instalações do artista. É a temática social que, ao final deste milênio, preocupa imensamente produtores culturais, e em especial artistas. Conclui-se, então, que chegamos a becos irremediavelmente sem saída. As instalações são simples na estrutura, enquanto complexas no conceitual. Jóia, por exemplo, com a imagem do slide refletida sobre o suporte de colar de vitrine de joalheria, logo manipula a percpeção mas, em seguida - movimento inverso ao que mais tarde será lembrado -, a trai através da sombra sobre a fotografia que o slide contém e, o que é mais acentuado, utiliza a sombra que se desenha sobre o peitoril, fazendo deste um caco de cerâmica grega antiga, em que um fauno se enrola entre folhas, envolvido em brincadeiras. Ora, é tão-somente um menino sendo carregado por braços de outrem. O ilusório no processo do artista é fundamentalmente à errância poética da obra. No caso da imagem obtida, ela se inicia na projeção, que não é propriamente a imagem (final), pode tão-somente ser um suporte desta, que pode sofrer algumas interrupções ou interações - basta uma mão entre o projetor e a tela. Delicadeza no gestual, as imagens obtidas por vezes comportam a relação formal direta, como no caso de Jóia, em que o suporte do colar já indica o que é pretendido, mas também pode comportar uma relação óbvia, porém não tão direta, como no caso do Filtro/Seio. Um depurador, o outro também um coador, só que de leite e ão de café. Dalton transfere qualquer possibilidade de alegoria para a representação correta da intenção; não há equívocos. "
Cláudio de La Rocque Leal
LEAL, Cláudio de La Rocque. Contra-Imagem (Assim é se lhe parece). In.: RUMOS ITAÚ CULTURAL ARTES VISUAIS. Contra-Imagem. São Paulo : Itaú Cultural, 1999. p. 3.

Exposições Individuais

1993 - Rio de Janeiro RJ - Projeto Macunaíma. Frederico Dalton, na Funarte. Galeria Macunaíma
1996 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Biblioteca Pública do Estado do Rio de Janeiro
1997 - Rio de Janeiro RJ - Filtros: projeções sobre objetos, no Espaço Cultural Sérgio Porto
1998 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Casa de Cultura Laura Alvim
1998 - São Paulo SP - Individual, no CCSP
1999 - Rio de Janeiro RJ - Circunvagantes: uma projeção giratória, no MNBA
1999 - Teresópolis RJ - Projeções Sobre Objetos, na Galeria Paes Arte Contemporânea
2000 - São Paulo SP - Individual, no Paço das Artes
2002 - São Paulo SP - Individual, no Paço das Artes

Exposições Coletivas

1990 - Amsterdã (Holanda) - Young Artists from Düsseldorf Presented by Nam Hoover, na Times Based Arts Gallery
1990 - Arnheim (Holanda) - Audio Visuell Experimentell Festival
1991 - Düsseldorf (Alemanha) - Rundgang 1991, na Kunstakademie Düsseldorf
1991 - Madri (Espanha) - Festival de Performances, na Galeria Valamedios
1992 - Düsseldorf (Alemanha) - Rundgang 1992, na Kunstakademie Düsseldorf
1992 - Essen (Alemanha) - Spektakel 1992, no Aalto Theater
1993 - Granada (Espanha) - 2º Encuentro de Performances, no Centro Gran Capitán
1993 - Rio de Janeiro RJ - 13º Salão Nacional de Artes Plásticas, no Palácio da Cultura
1996 - Rio de Janeiro RJ - 20º Salão Carioca de Artes Plásticas, na EAV/Parque Lage
1997 - Rio de Janeiro RJ - 81, Ao Lado da Guardamoria, na Alfândega do Porto
1997 - Salvador BA - 4º Salão MAM-Bahia, no MAM/BA
1998 - Brasília DF - Prêmio Brasília de Artes Plásticas, no MAB/DF
1998 - Rio de Janeiro RJ - 16º Salão Nacional de Artes Plásticas, no MAM/RJ
1998 - São Paulo SP - Programa Anual de Exposições de Artes Plásticas, no CCBB
1999 - Campinas SP - Rumos Itaú Cultural Artes Visuais. Contra Imagem, no Itaú Cultural Campinas
1999 - Rio de Janeiro RJ - 7º EAV - Mês da Foto, na EAV/Parque Lage
1999 - Rio de Janeiro RJ - Campo Randômico, no Museu do Telephone
1999 - Salvador BA - 6º Salão da Bahia, no MAM/BA
2000 - Belo Horizonte MG - Rumos Itaú Cultural Artes Visuais. Contra Imagem, no Itaú Cultural
2000 - Curitiba PR - 57º Salão Paranaense, no MAC/PR
2000 - Penápolis SP - Rumos Itaú Cultural Artes Visuais. Contra-Imagem, na Galeria Itaú Cultural
2000 - Recife PE - 44º Salão Pernambucano de Artes Plásticas, no Observatório Cultural Malakoff - premiado
2000 - Recife PE - Rumos Itaú Cultural Artes Visuais. Deslocamentos, na Galeria Massangana
2000 - Rio de Janeiro RJ - 8º Universidarte, na Universidade Estácio de Sá - menção honrosa
2000 - Salvador BA - 7º Salão da Bahia, no MAM/BA
2000 - São Paulo SP - Frederico Dalton e Lilian Amaral, no Paço das Artes
2000 - São Paulo SP - Há Margem, na Faculdade Senac de Comunicação e Artes
2000 - São Paulo SP - Investigações. Rumos Visuais 1, no Itaú Cultural
2001 - Belém PA - 20º Salão Arte Pará, no Museu do Estado do Pará
2001 - Fortaleza CE - Rumos Itaú Cultural Artes Visuais. Deslocamentos, no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
2001 - Rio de Janeiro RJ - 9º Universidarte, na Universidade Estácio de Sá. Galeria Maria Martins
2001 - Rio de Janeiro RJ - A Trajetória: a construção do eu no mundo, no Castelinho do Flamengo
2001 - Rio de Janeiro RJ - Transfigurações: o Rio no olhar contemporâneo, no Centro Cultural Light
2001 - Salvador BA - 8º Salão da Bahia, no MAM/RJ
2002 - Ribeirão Preto SP - 27º Salão de Arte de Ribeirão Preto, na Casa da Cultura de Ribeirão Preto
2002 - Rio de Janeiro RJ - Artefoto, no CCBB
2003 - Belém PA - 22º Salão Arte Pará, no Museu de Arte do Paraná
2003 - Brasília DF - Artefoto, no CCBB
2003 - Goiânia GO - 3º Salão Nacional de Arte de Goiás, no Flamboyant Shopping Center

Fonte: Itaú Cultural

VEJA TAMBÉM

Antonio Dias - Sem Título
Sem Título
Arcangelo Ianelli - Parque com Lago
Parque com Lago
Amilcar de Castro - Sem Titulo (p45)
Sem Titulo (p45)
Willys de Castro - Objeto Ativo
Objeto Ativo