Escritoriodearte.com > Artistas > Evandro Carlos Jardim

Evandro Carlos Jardim

OBRAS DO ARTISTA

Este artista não possui obras em nosso acervo.

Você possui uma obra deste artista e quer vender?

Após logar no site, clique em 'Avaliações' e envie sua obra.

BIOGRAFIA

Evandro Carlos Jardim (São Paulo SP 1935)

Gravador, desenhista, pintor.

Em 1953, Evandro Carlos Frascá Poyares Jardim ingressa na Escola de Belas Artes de São Paulo, onde estuda pintura com Theodoro Braga (1872 - 1953), Antonio Paim Vieira e Joaquim da Rocha Ferreira (1900 - 1965), além de modelagem e escultura com Vicente Larocca (1892 - 19--). Entre 1956 e 1957, estuda gravura em metal com Francesc Domingo Segura (1893 - 1974). Especializa-se em gravura em metal, na técnica da água-forte. Paralelamente à carreira artística, desenvolve intensa atividade docente em várias instituições, como a Escola de Belas Artes, a Fundação Armando Álvares Penteado - Faap e a Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo - ECA/USP. Durante o regime militar, promove leilões de obras suas para ajudar os familiares de presos políticos e colabora com o movimento pela anistia política. Em sua produção gráfica, enfoca constantemente o cenário urbano de São Paulo. O artista, que revela extremo cuidado técnico na execução de suas obras, reelabora constantemente certas imagens, como a do Pico do Jaraguá, além de representações de pássaros, frutos, janelas ou de um cavalo morto.

Comentário Crítico

Evandro Carlos Jardim inicia seu trabalho em arte na década de 1950. Freqüenta espaços como o Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand - Masp e convive com personagens importantes da história do modernismo da cidade de São Paulo, entre os quais Sérgio Milliet (1898 - 1966). Em 1953, matricula-se na Escola de Belas Artes de São Paulo, estudando com Joaquim da Rocha Ferreira (1900 - 1965) e Vicente Larocca (1892 - 19--). Através das bienais, entra em contato com parte da produção moderna internacional. Interessa-se por artistas como Edvard Munch (1863 - 1944), Oskar Kokoschka (1886 - 1980) e Giorgio Morandi (1890 - 1964).

Na época da faculdade, inicia-se em gravura em metal com Francesc Domingo Segura (1893-1974). Em seus primeiros trabalhos, a gravura se assemelha ao desenho. Jardim risca a chapa de cobre com buril e ponta-seca, procurando aprimoramento técnico. Progressivamente, aumentam as zonas gravadas nas chapas. As formas são conquistadas pelo domínio das técnicas da água-tinta e da água-forte. Em suas gravuras dos anos de 1960, o artista relaciona registros técnicos e estéticos diferentes. Vemos figuras mais realistas combinadas com formas geométricas e grafismos gestuais. Na série Interlagos, 1967, mistura grandes formas negras com desenhos manchados da paisagem urbana.

Depois de uma longa experiência como professor no ensino secundário, inicia sua carreira no ensino superior, primeiro na Escola de Belas Artes, em 1970, e posteriormente na Fundação Armando Álvares Penteado - Faap e na Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo - ECA/USP. Realiza, em 1973, a individual À Noite, no Quarto de Cima, Cruzeiro do Sul, Lat. Sul 23º32'36", Long. W. Gr. 46º37'59", no Masp, onde apresenta gravuras e objetos tridimensionais em bronze, ferro, alumínio e madeira. Nas gravuras, trabalha com um repertório reduzido de imagens. As mesmas formas aparecem em diferentes trabalhos, com novos significados. Já nesse momento, como em grande parte de sua obra madura, aproveita-se dos diferentes registros gráficos e de gêneros de arte para representar imagens e temas cotidianos. A partir de 1976, realiza estampas detalhistas, onde explora a natureza-morta, o retrato e a paisagem. Na mesma década, Jardim passa a pintar com maior intensidade incentivado por seu marchand, o artista Antônio Maluf (1926 - 2005).

Na década de 1980, as figuras ganham maior independência. Jardim não ambienta as cenas, nem estabelece relações hierárquicas entre as formas impressas. As figuras não têm vínculo formal, são justapostas. Associam-se pela proximidade no papel e, juntas, costuram narrativas sobre a cidade de São Paulo. Em 1991, exibe a série Figuras Jacentes, na Galeria São Paulo. Ali, a relação entre os elementos é ainda mais rarefeita. O artista distribui as imagens em um papel em branco, manchado e dividido em quadriláteros. As imagens não seguem nenhuma ordem, estabelecendo relações inesperadas umas com as outras.

Críticas

"Evandro Carlos Jardim é o chefe de fila da gravura paulista, ou melhor, ele é o criador de uma escola paulista de gravura. Trata-se de uma gravura intimista, miniaturizada, silenciosa, que fixa interiores quietos ou a pequena paisagem ao redor da casa, objetos imersos no tempo. Uma gravura que funciona como espécie de diário íntimo, caderno de notas, pequeno teatro do ser. Mas Evandro é, além de gravador, ´um tímido, honesto, plácido desenhista, alguém que se isolou por vontade própria´, como disse a seu respeito P. M. Bardi. E também vem-se dedicando à pintura. Os temas continuam basicamente os mesmos: os pequenos e mágicos momentos que fazem a beleza e a poesia do cotidiano, uma tarde qualquer de dezembro, uma noite de verão, um simples quarto de dormir, a visão das roseiras antigas ou um arisco cachorro do mato".
Frederico Morais
DACOLEÇÃO: os caminhos da arte brasileira. Introdução César Luís Pires de Mello; texto Frederico Morais; apresentação Júlio Bogoricin. São Paulo: Júlio Bogoricin, 1986.

"A despeito dessa proeminência como gravurista, pinta há mais de três décadas, muito embora somente em 1986 tenha aquiescido em expor suas pinturas, numa individual realizada em São Paulo, lado a lado com gravuras e aquarelas. Os óleos e têmperas de Jardim possuem as mesmas características de sensibilidade, apuro artesanal e invenção formal a que nos habituaram suas gravuras, e, como essas, partem da realidade, que terminam por transfigurar. Figurativista por assim dizer mágico, seduzem-no os aspectos aparentemente triviais da vida, pequenos dramas aos quais ninguém presta atenção - um pássaro morto na praia, por exemplo -, quando não as aproximações insólitas - uma xícara na paisagem, o tinteiro junto ao feixe de feno -, aos quais imprime intensa atmosfera poética e certa nota surrealista".
Olívio Tavares de Araújo
LEITE, José Roberto Teixeira. Dicionário crítico da pintura no Brasil. Rio de Janeiro: Artlivre, 1988.

"A imagem é gravada através de sucessivas aplicações de ácidos sobre uma chapa de cobre, denominada matriz, que depois recebe tinta e vai à prensa para transportar a imagem ao papel. Esse é o processo convencional, que Evandro enriquece ao acrescentar ou eliminar figuras em inúmeras gravações adicionais que destroem as imagens inicialmente traçadas.

'Não uso a técnica da gravura como multiplicadora de imagem, uso-a como uma forma de pensar meu trabalho', conta, para explicar por que faz edições de no máximo cinco cópias. 'Não gosto de entregar o trabalho de edição a um técnico impressor. O processo de fazer e editar a gravura me ajuda a entender as imagens que crio e como devo reorganizá-las'".
Angélica de Moraes
MORAIS, Angélica. A cidade pelos mapas imaginários de Jardim. Jornal da Tarde, São Paulo, 13 jun. 1991.

Depoimentos

"Interessa-me refletir, no meu trabalho, sobre o tempo e o espaço. Só que o meio que eu escolhi foi a gravura. Por que eu escolhi a gravura? Porque gosto. Simplesmente porque eu gosto de gravura. E isso me deu uma liberdade muito grande.

Os desenhos e os registros... Sem isso eu não faria gravura. Não faço uma gravura porque eu quero fazer gravura, mas porque tento deslocar uma realidade ou registrar alguma coisa. Para mim as coisas passam por aquela linha de expressão que brota de necessidades internas.

Na verdade, o que talvez eu procure até hoje seja uma imagem significativa, mais que representativa. Ao longo desses anos tenho buscado retirar de meu trabalho tudo o que considero informação dispensável. Deixar apenas o que é restritamente necessário".
Evandro Carlos Jardim
MACAMBIRA, Yvoty. Evandro Carlos Jardim. São Paulo: Edusp, 1998. (Artistas brasileiros). p. 87.

Exposições Individuais

1966 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Ponto de Encontro
1967 - Americana SP - Individual, na União Estudantil Americanense
1967 - Jundiaí SP - Evandro Carlos Jardim: gravuras, no Museu de Artes Plásticas do Gabinete de Leitura Ruy Barbosa
1968 - Bloomington (Estados Unidos) - Evandro Carlos Jardim: printmaker, na Matrix Gallery
1969 - Ouro Preto MG - Evandro Carlos Jardim: gravuras
1971 - Rio de Janeiro RJ - Gravadores Paulistas, no MAM/RJ
1973 - São Paulo SP - A Noite, no Quarto de Cima, o Cruzeiro do Sul, Lat. Sul 23º 32' 36", Long. W. Gr. 46º 37' 59": gravuras e objetos de Evandro Carlos Jardim, no Museu de Arte de São Paulo
1973 - Vitória ES - À Noite, no Quarto de Cima, o Cruzeiro do Sul, Lat. Sul 23º32´36", Long. W. Gr. 46º37´59": gravuras e objetos de Evandro Carlos Jardim, na Fundação Cultural do Espírito Santo
1976 - São Paulo SP - Figuras da Margem, na Seta Galeria de Arte
1977 - São José dos Campos SP - Individual, na Galeria do Sol
1977 - Washington D. C. (Estados Unidos) - Evandro Carlos Jardim: etching and watercolours, na Art Gallery of Brazilian American Cultural Institute
1977 - Washington D. C. (Estados Unidos) - The Creative Process: Evandro Carlos Jardim´s Work in Progress, no Brazilian American Cultural Institute
1979 - São Paulo SP - Individual, na Itaugaleria
1980 - São Paulo SP - Reflexão sobre a Prática da Gravura em Metal, no MAC/USP
1983 - São Paulo SP - Evandro Carlos Jardim, na Pinacoteca do Estado
1983 - Washington D. C. (Estados Unidos) - The Creative Process: Evandro Carlos Jardim's Work in Progress, no Brazilian American Cultural Institute
1984 - Campinas SP - Evandro Carlos Jardim: gravuras, no MACC
1985 - Campinas SP - Evandro Carlos Jardim: gravuras, na Galeria de Arte da Unicamp
1985 - São Paulo SP - Retratação dos Animais, na Pinacoteca do Estado
1986 - São Paulo SP - Individual, na Galeria de Arte São Paulo
1987 - Jundiaí SP - Evandro Carlos Jardim: têmperas, no Museu Histórico e Cultural, Solar do Barão, Comissão Municipal de Artes Plásticas
1990 - Curitiba PR - Evandro Carlos Jardim: gravuras, no Museu de Gravura da Cidade de Curitiba
1991 - Santo André SP - Balada da Cidade de São Paulo: desenhos e gravuras de Evandro Carlos Jardim, no Salão de Exposição de Santo André
1991 - São Paulo SP - Balada da Cidade de São Paulo: desenhos e gravuras de Evandro Carlos Jardim, na Pinacoteca do Estado
1991 - São Paulo SP - Individual, na Galeria de Arte São Paulo
1993 - São José dos Campos SP - Individual, na Galeria Volpi
1994 - Rio de Janeiro RJ - Evandro Carlos Jardim: gravuras, na EAV/Parque Lage
1996 - São Paulo SP - Projeto Expo FAU - Gravuras de Evandro Carlos Jardim, na FAU/USP
1997 - São Paulo SP - Evandro Carlos Jardim: gravuras, no Escritório de Arte Lúcia Ferreira de Carvalho
2000 - São Paulo SP - Individual, na Múltipla de Arte

Exposições Coletivas

1955 - São Paulo SP - 10º Salão do Centro Acadêmico da Escola de Belas Artes de São Paulo, no Centro Acadêmico da Escola de Belas Artes de São Paulo
1956 - São Paulo SP - 11º Salão do Centro Acadêmico da Escola de Belas Artes de São Paulo, no Centro Acadêmico da Escola de Belas Artes de São Paulo - menção honrosa/desenho
1957 - São Paulo SP - 12º Salão do Centro Acadêmico da Escola de Belas Artes de São Paulo, na Galeria Prestes Maia - 1º Prêmio Assembléia Legislativa/gravura
1958 - São Paulo SP - 13º Salão do Centro Acadêmico da Escola de Belas Artes de São Paulo, no Centro Acadêmico da Escola de Belas Artes de São Paulo - 1º Prêmio Assembléia Legislativa/gravura
1959 - São Paulo SP - 1º Grupo de Artistas Independentes de São Paulo
1960 - São Paulo SP - 15º Salão Oficial do Cabasp, no Centro Acadêmico da Escola de Belas Artes de São Paulo - convidado especial
1961 - São Paulo SP - Coletiva, na Galeria Croquis
1963 - São Paulo SP - O Primeiro Passo: jovens pintores brasileiros, no Masp
1964 - Campinas SP - 1º Salão de Arte Contemporânea - prêmio aquisição/gravura
1964 - Ribeirão Preto SP - 1ª Exposição da Jovem Gravura Nacional
1964 - São Paulo SP - 1ª Exposição da Jovem Gravura Nacional, no MAC/USP
1965 - Belo Horizonte MG - 1ª Exposição da Jovem Gravura Nacional, no MAP
1965 - Campinas SP - 1º Salão de Arte Contemporânea
1965 - Curitiba PR - 1ª Exposição da Jovem Gravura Nacional, na Secretaria do Estado de Educação
1965 - Florianópolis SC - 1ª Exposição da Jovem Gravura Nacional, no Museu de Arte de Santa Catarina
1965 - São Paulo SP - 1ª Exposição Coletiva do Grupo Bisonte, na Galeria Francesc Domingo
1965 - São Paulo SP - 20º Salão Oficial do Diretório Acadêmico da Faculdade de Belas Artes
1965 - São Paulo SP - 2ª Exposição do Jovem Desenho Nacional, no MAC/USP
1965 - São Paulo SP - 1ª Exposição Coletiva do Grupo Bisonte, na Galeria Francesc Domingo
1965 - São Paulo SP - Exposição Coletiva do Grupo Bisonte, na Galeria Francesc Domingo
1965 - São Paulo SP - 20º Salão Oficial do Diretório Acadêmico da Faculdade de Belas Artes de São Paulo
1966 - Ribeirão Preto SP - 40 Gravuras: nacionais e estrangeiras, na Escola de Artes Plásticas de Ribeirão Preto
1966 - Salvador BA - Bienal Nacional de Artes Plásticas
1966 - Salvador BA - 1ª Bienal Nacional de Artes Plásticas
1966 - São Paulo SP - 2ª Exposição da Jovem Gravura Nacional, no MAC/USP - prêmio aquisição
1966 - São Paulo SP - 40 Gravuras: nacionais e estrangeiras, no MAC/USP
1966 - Washington (Estados Unidos) - Brazilian Printmakers, na Art Gallery of the Brazilian-American Cultural Institute
1967 - Belo Horizonte MG - Maciej Babinski e Evandro Carlos Jardim: gravuras, na UFMG
1967 - Campinas SP - Maciej Babinski e Evandro Carlos Jardim: gravuras
1967 - São Paulo SP - 9ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal
1967 - São Paulo SP - Coletiva, na Galeria A Varanda
1967 - São Paulo SP - Maciej Babinski e Evandro Carlos Jardim: gravuras, no MAC/USP
1968 - Campinas SP - 4º Salão de Arte Contemporânea, no MACC
1968 - Campinas SP - Jardim-Babinski, na Universidade Federal de Campinas
1968 - Nova York (Estados Unidos) - Coletiva, no MoMA
1968 - Piracicaba SP - 1ª Salão de Arte Contemporânea de Piracicaba - 1º prêmio e prêmio aquisição/gravura
1968 - Piracicaba SP - 40 Gravuras Nacionais e Estrangeiras do Acervo do MAC, na Esalq/USP
1968 - Piracicaba SP - Salão de Arte Contemporânea de Piracicaba
1968 - Quito (Equador) - 1ª Bienal de Quito
1968 - Rio de Janeiro RJ - História da Gravura Nacional, no MNBA
1968 - Salvador BA - Bienal Nacional de Artes Plásticas, no MAM/BA
1968 - São Paulo SP - 2ª Jovem Arte Contemporânea, no MAC/USP
1968 - São Paulo SP - Aspectos da Gravura Brasileira Contemporânea, no MAC/USP
1968 - São Paulo SP - Coletiva, na Galeria A Varanda
1968 - São Paulo SP - Exposição Internacional de Gravuras, na Faap
1968 - São Paulo SP - 2ª Jovem Arte Contemporânea, no MAC/USP
1969 - Campinas SP - 5º Salão de Arte Contemporânea de Campinas - sala especial
1969 - Florianópolis SC - Coletiva, no MAM/SC
1969 - Florianópolis SC - Maciej Babinski e Evandro Carlos Jardim: gravuras, no Masc
1969 - Ouro Preto MG - História da Gravura Nacional - prêmio aquisição
1969 - Piracicaba SP - 1º Salão de Arte Contemporânea de Piracicaba - prêmio aquisição
1969 - Salvador BA - Bienal de Artes Plásticas
1969 - San Juan (Porto Rico) - Bienal de San Juan del Grabado latino-americano y del Caribe
1969 - Santos SP - Maciej Babinski e Evandro Carlos Jardim: gravuras, na Secretaria de Turismo e Esportes da prefeitura de Santos
1969 - São Paulo SP - 10ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal
1970 - San Juan (Puerto Rico) - 1ª Bienal de San Juan del Grabado Latinoamericano y del Caribe, no Instituto de Cultura Puertorriqueña
1970 - Olinda PE - 40 Gravuras Nacionais e Estrangeiras do Acervo do MAC, no MAC/PE
1970 - Penápolis SP - 40 Gravuras Nacionais e Estrangeiras do Acervo do MAC
1970 - Piracicaba SP - 2º Salão de Arte Contemporânea de Piracicaba
1970 - São José do Rio Pardo SP - Maciej Babinski e Evandro Carlos Jardim: gravuras
1971 - Campinas SP - 7º Salão de Arte Contemporânea de Campinas
1971 - São Paulo SP - Gravadores Paulistas, no MAM/RJ
1971 - São Paulo SP - 3º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1972 - San Juan (Porto Rico) - 2ª Bienal de San Juan del Grabado latino-americano y del Caribe, no Instituto de Cultura Puertorriqueña
1972 - São Paulo SP - 2ª Exposição Internacional de Gravura, no MAM/SP
1972 - São Paulo SP - 6ª Jovem Arte Contemporânea, no MAC/USP
1973 - Santos SP - 2ª Bienal de Artes Plásticas de Santos - hors-concours/gravuras
1973 - São Paulo SP - Exposição de Acervo de Desenhos e Gravuras, no Masp
1974 - San Juan (Puerto Rico) - 3ª Bienal de San Juan del Grabado Latinoamericano y del Caribe, no Instituto de Cultura Puertorriqueña
1974 - Nova York (Estados Unidos) - International Print Group Inc.
1974 - Piracicaba SP - Salão de Arte Contemporânea de Piracicaba - hors-concours
1974 - San Juan (Porto Rico) - Bienal de San Juan del Grabado latino-americano y del Caribe
1974 - São Paulo SP - Mostra da Gravura Brasileira, na Fundação Bienal
1974 - São Paulo SP - 6º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1974 - São Paulo SP - Prospectiva 74, no MAC/USP
1975 - Mannheim (Alemanha) - Exposição de Gravura
1975 - Piracicaba SP - 7º Salão de Arte Contemporânea de Piracicaba
1975 - Santos SP - Arte e Pensamento Ecológico, na Prodesan
1975 - São Paulo SP - 13ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal - Prêmio Governador do Estado
1975 - São Paulo SP - Exposição de Gravuras, no MAB/Faap
1975 - Toronto (Canadá) - Informal Art
1976 - Florença (Itália) - 5ª Biennalle Internazionale della Gráfica d'Arte
1976 - Penápolis SP - 2ª Salão de Artes Plásticas da Noroeste, na Fundação Educacional de Penápolis. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Penápolis
1976 - São Caetano do Sul SP - Arte Contemporânea/76, na Fundação das Artes de São Caetano do Sul - prêmio aquisição
1976 - São Paulo SP - Bienal Nacional 76, na Fundação Bienal
1976 - São Paulo SP - Exposição de Pinturas Coletiva de Jovens Artistas, no Gabinete de Artes Gráficas e no Centro Campestre do Sesc
1976 - Veneza (Itália) - 38ª Bienal de Veneza
1977 - Bruxelas (Bélgica) - Créativité dans l'Art Brésilien Contemporain, no Museu Real de Bruxelas
1977 - Madri (Espanha) - Arte Actual de Iberoamericana, no Instituto de Cultura Hispânica
1977 - São Paulo SP - Aspectos da Gravura em Metal, na Pinacoteca do Estado
1977 - São Paulo SP - 9º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1978 - Bruxelas (Bélgica) - Créativité dans l'Art Brésilien Contemporain, no Museu Real de Bruxelas
1978 - Curitiba PR - 1ª Mostra Anual de Gravura Cidade de Curitiba, no Centro de Criatividade de Curitiba
1978 - Penápolis SP - 3º Salão de Artes Plásticas da Noroeste, na Fundação Educacional de Penápolis. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Penápolis
1978 - Rio de Janeiro RJ - 18º Arte e Pensamento Ecológico, na Biblioteca Euclides da Cunha
1978 - São Paulo SP - A Arte e Seus Processos: o papel como suporte, na Pinacoteca do Estado
1978 - São Paulo SP - Aspectos da Gravura em Metal no Acervo, na Pinacoteca do Estado
1978 - São Paulo SP - Missão Literária e Artística Venezuelana, no Masp
1978 - São Paulo SP - Poucos e Raros, no Masp
1979 - Buenos Aires e Mendonza (Argentina) - 1ª Trienal Lationamericana del Grabado, nas Salas Nacionales de Exposición e no Museo de Arte Moderno
1979 - Curitiba PR - 36º Salão Paranaense, no Teatro Guaíra - Prêmio Banco do Brasil V - gravura em metal
1979 - São Paulo SP - 15ª Bienal Internacional de São Paulo, na Fundação Bienal
1979 - Tóquio (Japão) - 24 Brazilian Contemporary Engravers Exhibition
1980 - Buenos Aires (Argentina) - Grabadores Contemporáneos de Brasil, no Salón Ícaro
1980 - Cidade do México (México) - 2ª Bienal Iberoamericana de Arte
1980 - Cracóvia (Polônia) - Bienal de Artes Gráficas
1980 - Curitiba PR - 3ª Mostra Anual de Gravura Cidade de Curitiba, no Casa da Gravura Solar do Barão
1980 - Maryland (Estados Unidos) - Partners of America
1980 - Santiago (Chile) - 20 Pintores Brasileños, na Academia Chilena de Bellas Artes
1980 - São Paulo SP - 12º Panorama do Desenho e da Gravura, no MAM/SP
1980 - São Paulo SP - Evandro Carlos Jardim e Cláudio Tozzi, no MAC/USP
1980 - São Paulo SP - Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1981 - Assunção (Paraguai) - Coletiva, no Centro de Estudos Brasileiros
1981 - Belo Horizonte MG - Destaques Hilton de Gravura, no Palácio das Artes
1981 - Bogotá (Colômbia) - 10 Artistas Brasileños, no Museu de Arte Moderna
1981 - Brasília DF - Destaques Hilton de Gravura, na ECT Galeria de Arte
1981 - Cali (Colômbia) - 4ª Bienal de Artes Gráficas, no Museu de Arte Moderna
1981 - Curitiba PR - Destaques Hilton de Gravura, na Casa da Gravura Solar do Barão
1981 - Estoril (Portugal) - Exposição de Artistas Plásticos Brasileiros, na Galeria do Cassino Estoril
1981 - Florianópolis SC - Destaques Hilton de Gravura, no Museu de Arte de Santa Catarina
1981 - Lódz (Polônia) - Male Formy Small Graphic Forms, na Galeria Biura Wystaw Artysznych
1981 - Medellín (Colômbia) - 4ª Bienal de Medellín, no Museo de Antioquia
1981 - Porto Alegre RS - Destaques Hilton de Gravura, no Margs
1981 - Recife PE - Destaques Hilton de Gravura, no MAM/PE
1981 - Rio de Janeiro RJ - Destaques Hilton de Gravura, no MAM/RJ
1981 - Salvador BA - Destaques Hilton de Gravura, no Teatro Castro Alves
1981 - São Paulo SP - Arte e Afeto, no Centro Campestre do Sesc
1981 - São Paulo SP - Destaques Hilton de Gravura, no MAM/SP
1981 - São Paulo SP - Gravura Contemporânea Brasileira, na Galeria de Arte São Paulo
1982 - Bradford (Inglaterra) - Bienal de Gravura
1982 - Filadélfia (Estados Unidos) - Art from Brazil, na Embaixada do Brasil
1982 - Washington (Estados Unidos) - Art from Brazil, no Brazilian American Cultural Institute
1982 - São Paulo SP - Um Século de Escultura no Brasil, no Masp
1982 - Tóquio (Japão) - Mostra Internacional de Gravura
1983 - Cidade do México (México) - Foro de Arte Contemporânea
1983 - Montevidéu (Uruguai) - 1ª Bienal de Grabado Iberoamericano, no Museu de Arte Contemporânea
1983 - Nova York (Estados Unidos) - The Creative Process: Evandro Carlos Jardim's work in progress
1983 - Piracicaba SP - 16º Salão de Arte Contemporânea de Piracicaba - sala especial
1983 - São Paulo SP - Avenida Paulista, na Galeria Sesc Paulista
1984 - Cidade do México (México) - El Grabado Brasileño Contemporáneo, na Embaixa do Brasil
1984 - Curitiba PR - 6ª Mostra de Gravura Cidade de Curitiba, na Fundação Cultural
1984 - Curitiba PR - A Xilogravura na História da Arte Brasileira, na Casa Romário Martins
1984 - Ourinhos SP - Homenagem a Arte da Gravura no Brasil, na Itaugaleria
1984 - Piracicaba SP - 16º Salão de Arte Contemporânea de Piracicaba
1984 - Ribeirão Preto SP - Gravadores Brasileiros Anos 50/60, na Galeria Campus-USP-Banespa
1984 - Rio de Janeiro RJ - A Xilogravura na História da Arte Brasileira, na Funarte. Galeria Sérgio Milliet
1984 - São Paulo SP - A Cor e o Desenho no Brasil, no MAM/SP, itinerante por Haia (Holanda), Lisboa (Portugal), Londres (Inglaterra), Madri (Espanha), Paris (França) e Roma (Itália)
1984 - São Paulo SP - O Cobre como Matriz, no Sindicato da Indústria de Condutores Elétricos
1984 - São Paulo SP - Tradição e Ruptura: síntese de arte e cultura brasileiras, na Fundação Bienal
1985 - Grenchen (Suíça) - Salon Especial de Gráfica Contemporánea Latinoamericana
1985 - Grenchen (Suíça) - Trienal de Grenchen
1985 - Penápolis SP - Salão de Artes Plásticas da Noroeste, na Fundação das Artes de Penápolis
1985 - São Paulo SP - 100 Obras Itaú, no Masp
1985 - São Paulo SP - Destaques da Arte Contemporânea Brasileira, no MAM/SP
1985 - São Paulo SP - Flora e Fauna: formas de representação, na Pinacoteca do Estado
1985 - São Paulo SP - Gravadores Brasileiros, na Galeria Praxis
1985 - São Paulo SP - Memória da Arte 1975/1985, na Divisão de Pesquisas do Centro Cultural São Paulo, Casa das Retortas
1985 - São Paulo SP - Os Anos 70 no Acervo do MAM, no MAM/SP
1985 - São Paulo SP - Retratação dos Animais, na Pinacoteca do Estado
1986 - Buenos Aires (Argentina) - Ocho Artistas Brasileños Presentan sus Grabados en Buenos Aires, na Galeria Praxis, Ministerio das Relaciones Exteriores y Cultura y Embajada del Brasil
1986 - Curitiba PR - 7º Acervo do Museu Nacional da Gravura - Casa da Gravura, no Museu Guido Viaro
1986 - Frechen (Alemanha) - 8ª Trienal Internacional de Gráfica
1986 - San Juan (Puerto Rico) - 7ª Bienal de San Juan del Grabado Latinoamericano y del Caribe
1986 - Santa Fé (Estados Unidos) - Brazilian Contemporary Prints, na Gallery of the Saint John's College
1987 - Brasília DF - Paulistas em Brasília, no MAB/DF
1987 - Campinas SP - 1ª Bienal Internacional de Gravura, no MACC
1987 - Lódz (Polônia) - Male Formy Grafiki/Small Graphic Forms
1987 - Paris (França) - Le Jeune Gravure Contemporaine et ses Invités de Brésil, na Galeries Nationales du Grand Palais
1987 - São Paulo SP - 18º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1987 - São Paulo SP - Arte e Meio Ambiente, no Palácio das Convenções do Anhembi
1987 - São Paulo SP - 20ª Exposição de Arte Contemporânea, na Chapel Art Show
1988 - Montevidéu (Uruguai) - Primer Encuentro Internacional de Grabado de Montevidéo, no Museu Nacional de Artes Visuales
1988 - São Paulo - Exposição de Arte Contemporânea, na Chapel Art Show
1988 - São Paulo SP - Brasiliana: o homem e a terra, na Pinacoteca do Estado
1988 - São Paulo SP - Os Ritmos e as Formas: arte brasileira contemporânea, no Sesc/Pompéia
1988 - São Paulo SP - 1º Salão Nacional de Aquarelas da FASM, na Faculdade Santa Marcelina
1989 - Copenhague (Dinamarca) - Os Ritmos e as Formas: arte brasileira contemporânea, no Museu Charlottenborg
1989 - Fredrikstad (Noruega) - Norwegian International Print Triennale, na Municipal Library in Fredrikstad
1989 - Liubliana (Iugoslávia - atual Eslovênia) - 18º Bienal Internacional de Gravura, no Moderna Galerija Ljubljana
1989 - Lódz (Polônia) - Male Formy Grafiki/Small Graphic Forms, no Walbrzyska Galeria Sztuki BWA
1989 - México - Coletiva, no Museo Nacional de la Estampa
1989 - Montevidéu (Uruguai) - Encontro Internacional de Gravadores, no Club de Grabados
1989 - Montevidéu (Uruguai) - Projeto 500 Anos de América, no Instituto Histórico Cultural Cristoban Colombo
1989 - Porto Alegre RS - Encontro Gaúcho de Gravura, na Secretaria Municipal de Cultura
1989 - Porto Alegre RS - 2ª Mostra Gaúcha de Gravura, no Centro Municipal de Cultura Lupicínio Rodrigues
1989 - Rio de Janeiro RJ - Gravura Brasileira: 4 temas, na EAV/Parque Lage
1989 - Rio Grande do Sul - 2º Encontro Gaúcho de Gravuras
1989 - São Paulo SP - Acervo Galeria São Paulo, na Galeria de Arte São Paulo
1989 - São Paulo SP - Arte em Papel - A. B. P. A. - 1º Encontro Nacional de Artes, no MAM/SP
1989 - São Paulo SP - Bardi: 45 artistas de São Paulo homenageiam os 90 anos do professor, no Masp
1989 - São Paulo SP - Exposição Coletiva de Gravuras, na Galeria São Paulo
1989 - São Paulo SP - Gravuras do MAC, no MAC/USP
1989 - São Paulo SP - Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1990 - Berlim (Alemanha) - Internationale Triennale Grafik
1990 - Cidade do México (México) - Gravuras Contemporâneas Brasileiras, no Museo Nacional de la Estampa
1990 - Curitiba PR - 9ª Mostra da Gravura Cidade de Curitiba, no Museu da Gravura
1990 - Havana (Cuba) - Mail for the Exchange of Samll Print, na Uneac
1990 - Logroño (Espanha) - El Grabado Brasileño Contemporáneo
1990 - San Juan (Porto Rico) - 9ª Bienal de San Juan del Grabado latino-americano del Caribe, no Instituto de Cultura Puertorriqueña
1990 - São Paulo SP - 8º Salão Paulista de Arte Contemporânea, na Secretaria Municipal de Cultura
1990 - São Paulo SP - Bardi: 45 artistas de São Paulo homenageiam os 90 anos do professor, no Masp
1990 - São Paulo SP - Doações e Aquisições Recentes, no MAC/USP
1990 - São Paulo SP - Gravuras do Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, no MAC/USP
1990 - São Paulo SP - 21º Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP
1990 - São Paulo SP - 8º Salão Paulista de Arte Contemporânea
1990 - Tuzla (Bósnia-Herzegóvina) - International Biennial Exhibition of Portrait, Drawings and Graphics
1990 - Ucrânia - Coletiva, no Museu da Religião e do Ateísmo
1991 - Brasília DF - Obras sobre Papel do Acervo do Itamaraty, no Palácio Itamaraty
1991 - México - Grabados de Artistas Brasileños Contemporáneos, no Instituto Nacional de Bellas Artes
1991 - San Juan (Porto Rico) - 10ª Bienal de San Juan del Grabado latino-americano del Caribe
1991 - São Paulo SP - Anistia Internacional - Calendário para 1991 - Artistas Brasileiros, na Galeria Montesanti-Roesler
1991 - São Paulo SP - Cidadania: 200 anos da declaração dos direitos do homem, no Sesc/Pompéia
1991 - São Paulo SP - Homenagem à Avenida Paulista, na Galeria Sesc Paulista
1991 - São Paulo SP - Linguagem Gráfica: exposições nacionais e estrangeiras do acervo do MAC/USP, no MAC/USP
1991 - São Paulo SP - O Que Faz Você Agora Geração 60?: jovem arte contemporânea dos anos 60 revisitada, no MAC/USP
1991 - Valparaíso (Chile) - 10ª Bienal Internacional de Arte - grande prêmio/gravura
1992 - Americana SP - Mostra de Reinauguração do Museu de Arte Contemporânea de Americana, no MAC/Americana
1992 - Belém PA - 1º Salão Paraense de Arte Contemporânea
1992 - Curitiba PR - Enfocando a Gravura em Metal - obras recentes, na Fundação Cultural de Curitiba, no Museu da Gravura
1992 - Curitiba PR - 10º Mostra da Gravura Cidade de Curitiba, no Museu da Gravura
1992 - Rio de Janeiro RJ - Gravidade e Aparência, no Mnba
1993 - Belém PA - 2º Salão Paraense de Arte Contemporânea
1993 - João Pessoa PB - Xilogravura: do cordel à galeria, na Fundação Espaço Cultural da Paraíba
1993 - Lisboa (Portugal) - Matrizes e Gravuras Brasileiras: Coleção Guita e José Mindlin, no Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian
1993 - San Juan (Porto Rico) - 10º Bienal de San Juan del Grabado latino-americano y del Caribe
1993 - São Paulo SP - Branco e Preto, no Adriana Penteado Escritório de Arte
1994 - Belo Horizonte MG - Acervo Fernando Pedro Escritório de Arte, no Fernando Pedro Escritório de Arte
1994 - Belo Horizonte MG - Acervo Fernando Pedro Escritório de Arte, no Fernando Pedro Escritório de Arte
1994 - Rosario (Argentina) - Mostra Latino-Americana de Miniprint, na Escuela de Belas Artes, Faculdad de Humanidades y Artes da Universidade Nacional de Rosario
1994 - São Paulo SP - 19 Artistas Reunidos em Torno do Ateliê, no MAC/USP
1994 - São Paulo SP - Anos 90: a gravura contínua, no CCSP
1994 - São Paulo SP - Bastidores da Criação: Arquitetura, Literatura, Artes Plásticas, Teatro, Cinema, Música, na Oficina Cultural Oswald de Andrade
1994 - São Paulo SP - Bienal Brasil Século XX, na Fundação Bienal
1994 - São Paulo SP - Exposição Coletiva de Dezenove Artistas Reunidos em Torno do Ateliê, no MAC/USP
1994 - São Paulo SP - Paisagens, na Galeria de Arte São Paulo
1994 - São Paulo SP - Poética da Resistência: aspectos da gravura brasileira, na Galeria de Arte do Sesi
1994 - São Paulo SP - São Paulo - 440 Anos - Imagens da Cidade de São Paulo: 100 obras da Pinacoteca do Estado de São Paulo, na Pinacoteca do Estado
1994 - São Paulo SP - Visitando São Paulo a partir dos Anos 20, no CCSP
1994 - São Paulo SP - Xilogravura: do cordel à galeria, no Metrô Sé, São Bento e Trianon-Masp e no Masp
1995 - Rio de Janeiro RJ - A Xilogravura na História da Arte Brasileira, na EAV/Parque Lage
1995 - Rio de Janeiro RJ - Imagem Gráfica, na EAV/Parque Lage
1995 - San Juan (Porto Rico) - 11ª Bienal de San Juan del Grabado latino-americano y del Caribe, no Instituto de Cultura Puertorriqueña - prêmio gravura
1995 - Santo André SP - 23º Salão de Arte Contemporânea de Santo Andre, no Paço Municipal
1995 - São Paulo SP - 15 Anos: exposição comemorativa, na Galeria de Arte São Paulo
1995 - São Paulo SP - Ateliê Calcográfico Iole: 15 anos, no Sesc/Pompéia
1995 - São Paulo SP - Coletiva 34, na Adriana Penteado Arte Contemporânea
1995 - São Paulo SP - Coletiva, na Galeria São Paulo
1995 - São Paulo SP - Gravura Paulista
1995 - Vitória ES - Mostra de Papel Feito à Mão, no Galeria de Arte Espaço Universitário da Universidade Federal
1996 - São Paulo SP - Ex Libris/Home Page, no Paço das Artes
1997 - São Paulo SP - A Cidade dos Artistas, no MAC/USP
1997 - São Paulo SP - Arte Cidade: a cidade e suas histórias
1997 - São Paulo SP - Arte Cidade: percurso
1997 - São Paulo SP - Dois Gravadores Paulistas, no Instituto Moreira Salles
1998 - Campinas SP - A Grande Arte da Gravura, na Galeria Croqui
1998 - Jacareí SP - Múltiplas Abordagens em Torno da Gravura, na Casa da Gravura
1998 - Jacareí SP - Múltiplas Abordagens em Torno da Gravura, na EMEF Lamartine Delamare
1998 - Jacareí SP - Múltiplas Abordagens em Torno da Gravura, na EMEF Silvio Silveira Mello Filho
1998 - Jacareí SP - Múltiplas Abordagens em Torno da Gravura, na EMEF Barão de Jacareí
1998 - São Paulo SP - 2ª Heranças Contemporâneas, no MAC/USP
1998 - São Paulo SP - Os Colecionadores - Guita e José Mindlin: matrizes e gravuras, na Galeria de Arte do Sesi
1999 - Rio de Janeiro RJ - Mostra Rio Gravura. Coleção Guita e José Mindlin, no Espaço Cultural dos Correios
1999 - Rio de Janeiro RJ - Mostra Rio Gravura. São Paulo: gravura hoje, no Palácio Gustavo Capanema
1999 - São Paulo SP - Dezenove Cabeças, na Adriana Penteado Arte Contemporânea
2000 - Rio de Janeiro RJ - O Bardi dos Artistas, no Espaço Cultural dos Correios
2000 - São Paulo SP - Investigações. A Gravura Brasileira, no Itaú Cultural
2000 - São Paulo SP - O Bardi dos Artistas, na Galeria Marta Traba - Memorial da América Latina
2000 - São Paulo SP - O Papel da Arte, na Galeria de Arte do Sesi
2001 - Penápolis SP - Investigações. A Gravura Brasileira, no Itaú Cultural
2001 - Brasília DF - Investigações. A Gravura Brasileira, no Itaú Cultural
2001 - Rio de Janeiro RJ - O Espírito de Nossa Época, no MAM/RJ
2001 - São Paulo SP - O Espírito de Nossa Época, no MAM/SP
2001 - Santo André SP - 1ª Bienal de Gravura de Santo André
2001 - São Paulo SP - Arte Hoje, na Arvani Arte
2001 - São Paulo SP - Trajetória da Luz na Arte Brasileira, no Itaú Cultural
2002 - Passo Fundo RS - Gravuras: Coleção Paulo Dalacorte, no Museu de Artes Visuais Ruth Schneider
2002 - Porto Alegre RS - Gravuras: Coleção Paulo Dalacorte, no Museu do Trabalho
2002 - São Paulo SP - Ópera Aberta: celebração, no Casa das Rosas
2002 - São Paulo SP - Quem Faz as Bienais, na Galeria Múltipla de Arte
2003 - Frankfurt (Alemanha) - Art Frankfurt 2003
2003 - Rio de Janeiro RJ - Projeto Brazilianart, na Almacén Galeria de Arte
2003 - São Paulo SP - A Arte Atrás da Arte: onde ficam e como viajam as obras de arte, no Espaço MAM/Villa-Lobos
2003 - São Paulo SP - A Gravura Vai Bem, Obrigado: a gravura histórica e contemporânea brasileira, no Espaço Virgílio
2003 - São Paulo SP - Entre Aberto, na Gravura Brasileira
2003 - São Paulo SP - MAC USP 40 Anos: interfaces contemporâneas, no MAC/USP
2003 - São Paulo SP - Meus Amigos, no Espaço MAM/Villa-Lobos
2004 - São Paulo SP - 450 X 45, na Nova André Galeria
2004 - São Paulo SP - A Gravura Paulista, no Gravura Brasileira
2004 - São Paulo SP - Arte Contemporânea no Ateliê de Iberê Camargo, no Centro Universitário Maria Antonia
2004 - São Paulo SP - Gabinete de Papel, no Centro Cultural São Paulo

Fonte: Itaú Cultural

VEJA TAMBÉM

Burle Marx - Sem Título
Sem Título
Victor Brecheret - Mulher com Guitarra
Mulher com Guitarra
Escola Cusquenha - Nossa Senhora da Conceição
Nossa Senhora da Conceição
Candido Portinari - Uma Noite de Natal
Uma Noite de Natal