Escritoriodearte.com > Artistas > Cristiana Bierrenbach Lima

Cristiana Bierrenbach Lima

OBRAS DO ARTISTA

Este artista não possui obras em nosso acervo.

Você possui uma obra deste artista e quer vender?

Após logar no site, clique em 'Avaliações' e envie sua obra.

Leilão de Artes Online

BIOGRAFIA

Cristiana Bierrenbach Lima (São Paulo SP 1964)

Fotógrafa.

Entre 1984 e 1985, estuda geologia antes de optar pelo curso de cinema da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP), pela qual é graduada em 1992. Em 1990, realiza a primeira exposição individual no Projeto Foto de Autor, do Museu da Imagem e do Som de São Paulo (MIS/SP). Entre 1989 e 1991, atua como repórter fotográfica do jornal Folha de S. Paulo, e de 1992 a 1994 trabalha na Revista da Folha. Nas Semanas de Educação de 1994 e de 1995, da Faculdade de Pedagogia da Universidade Estadual Paulista (Unesp), em São Paulo, ministra o workshop A Fotografia como Texto para alunos de graduação, pós-graduação e professores. Por um breve período, permanece como editora de fotografia da revista República. Em 1996, ilustra a primeira fotonovela brasileira destinada à veiculação pela internet, O Moscovita. Colabora com revistas como Vogue, Carta Capital e Marie Claire. Desenvolve trabalhos autorais que exploram as potencialidades expressivas dos processos fotográficos e das novas tecnologias digitais. Em 2004, recebe o Prêmio Porto Seguro Pesquisas Contemporâneas, em São Paulo. Integra, em 2005, a coleção FotoPortátil, lançada pela editora Cosac & Naify.

Comentário Crítico

No processo investigativo de Cris Bierrenbach, objetos e instalações são construídos com base em fotografias produzidas por meio de antigas técnicas, como o daguerreótipo, que fixa as imagens obtidas em uma câmara escura sobre folha de prata. A retomada dessa técnica revela, então, o interesse da artista pelo resgate da própria história da fotografia.

Em Auto-Retrato, de 2003, ela não é a fotografada, como sugere o título. São daguerreótipos de rostos de bonecas que aparecem com apenas uma das faces iluminada, destacando características femininas. Em outros trabalhos, como Sem Nome, 2003, permanece a preocupação com o universo feminino e a questão da identidade, constantemente abordada com base em seu próprio corpo.

Bierrenbach atua no limite das potencialidades dos processos fotográficos, desde os mais antigos aos mais novos, como o digital. Esse trânsito entre diferentes técnicas lhe permite apresentar trabalhos que não se limitam a uma única estética. Suas instalações formam uma espécie de comentário sobre as possibilidades técnicas da fotografia.

Críticas

"Por que não perverter a ordem? 
Partir para a ficção, o irreal, deixar a fotografia aflorar do imaginário como redescoberta da realidade. 
Este o ponto de partida. 
A única regra: Não Há Regras. 
O importante é valorizar o objeto fotografado. Criar novos significados, novas leituras; seja na luz, nas formas, na cor. Fugir das paredes, das molduras, da bidimensionalidade. 
Fazer do óbvio, o inusitado".
Eduardo Castanho
Catálogo MIS - agosto de 1990

"Em sua instalação Vitral, Cris Bierrenbach trabalha com fotos próprias e de outros fotógrafos sobre meninos de rua. 
É uma das que, além do desenvolvimento de uma pesquisa na linguagem fotográfica, abordam temáticas sociais em seus trabalhos. As fotos foram ampliadas em pequenos espelhos populares sensibilizados à ampliação fotográfica por meio de um processo químico".
Celso Fioravante
Jornal Folha de S.Paulo, 18 de julho de 1996

Acervos

Museu de Arte Moderna de São Paulo - MAM/SP - São Paulo SP

Exposições Individuais

1990 - São Paulo SP - Projeto Foto de Autor, no MIS/SP
1991 - São Paulo SP - Ética, no Masp
1996 - Belo Horizonte MG - Roupas em Fotografia, no Itaú Cultural
1996 - São Paulo SP - Acheiropoietoi - Imagens Verdadeiras, na Funarte
2002 - Ribeirão Preto SP - 92 - 2002, na Casa da Cultura de Ribeirão Preto
2004 - São Paulo SP - Individual, na Base7

Exposições Coletivas

1992 - São Paulo SP - Fotojornalistas Brasileiros - Anos 90, no MIS/SP
1992 - São Paulo SP - Três Mulheres e um Homem Fotografando Mulheres, na Galeria Fotoptica
1993 - Rio de Janeiro RJ - Certa Fotografia, na EAV/Parque Lage
1993 - São Paulo SP - Homem Sanduíche, na Praça Ramos de Azevedo
1993 - São Paulo SP - Na Falta da Verdade, na Galeria Casa Triângulo
1994 - Rio de Janeiro RJ - Na Falta da Verdade, na EAV/Parque Lage
1994 - São Paulo SP - 10 Vezes, na Galeria Casa Triângulo
1995 - Curitiba PR - 52º Salão Paranaense, no MAC/PR
1996 - Campinas SP - Um e Muitos, no Itaú Cultural
1996 - Curitiba PR - 53º Salão Paranaense, no MAC/PR
1996 - Mülheim (Alemanha) - Sampa, no Städisches Museum
1996 - São Paulo SP - Nos Limites da Fotografia, no Sesc Pompéia
1996 - Sittard (Holanda) - Sampa: fotografia de São Paulo, no Museum Het Domein
1997 - Amsterdã (Holanda) - News from Brazil, na Ascenbach Galerie Amsterdam
1997 - Amsterdã (Holanda) - News From Brazil, na Ascenbach Galerie
1997 - Mülheim an der Ruhr (Alemanha) - Sampa: fotografia de São Paulo, no Kunstmuseum in der Alten Post
1997 - Ribeirão Preto SP - 22º Salão de Arte de Ribeirão Preto, no Museu de Arte de Ribeirão Preto
1997 - Rio de Janeiro RJ - Identidade/Não Identidade: a fotografia brasileira atual, no Centro Cultural Light
1997 - São Paulo SP - Fora de Registro, na Faap
1997 - São Paulo SP - Identidade/Não Identidade: a fotografia brasileira atual, no MAM/SP
1999 - Campinas SP - Tendências da Fotografia Contemporânea, no Itaú Cultural
1999 - São Paulo SP - Fotocriação, no Sesc Consolação
1999 - São Paulo SP - Fotógrafos e Fotoartistas na Coleção do Museu de Arte Moderna de São Paulo: fotografia contemporânea brasileira, no Espaço Porto Seguro de Fotografia
1999 - São Paulo SP - Prêmio J. P. Morgan de Fotografia, no MAM/SP
2000 - Colônia (Alemanha) Kulturhaus Lateinamerik (14 Internationale Photoszene Köln)
2000 - Guadalajara (México) - America Foto Latina: la fotografia en el arte contemporáneo, no Museo de Las Artes de La Universidad de Guadalajara
2001 - São Paulo SP - 10ª Coleção Pirelli/Masp de Fotografias, no Masp
2001 - São Paulo SP - 40 Anos Apae, no Conjunto Cultural da Caixa
2001 - São Paulo SP - Fotografia/Não Fotografia, no MAM/SP
2002 - São Paulo SP - Coletiva, na Galeria Vermelho
2002 - São Paulo SP - Fotografias no Acervo do Museu de Arte Moderna de São Paulo, no MAM/SP
2003 - São Paulo SP - A Subversão dos Meios, no Itaú Cultural
2003 - São Paulo SP - Clube de Colecionadores de Fotografia do MAM, no MAM/SP
2004 - Rio de Janeiro RJ - Novas Aquisições 2003: Coleção Gilberto Chateubriand, no MAM/RJ
2004 - São Paulo SP - Derivas, na Galeria Vermelho
2004 - São Paulo SP - Grátis, na Galeria Vermelho
2004 - São Paulo SP - Prêmio Porto Seguro de Fotografia, no Espaço Porto Seguro de Fotografia

Fonte: Itaú Cultural

VEJA TAMBÉM

Iberê Camargo - Manequins
Manequins
Rubens Gerchman - Sem Título
Sem Título