Escritoriodearte.com > Artistas > Charles Mayer

Charles Mayer

OBRAS DO ARTISTA

Este artista não possui obras em nosso acervo.

Você possui uma obra deste artista e quer vender?

Após logar no site, clique em 'Avaliações' e envie sua obra.

Leilão de Artes Online

BIOGRAFIA

Charles Mayer (Porto Alegre RS 1933)

Pintor, cenógrafo, artista gráfico, desenhista, fotógrafo, professor.

Em 1947, Charles Sebastião Mayer freqüenta os ateliês do escultor Vasco Prado e do gravador Danúbio Gonçalves, e estuda pintura com Benedito Castañeda. Em 1959, atua como cenógrafo na TV Piratini de Porto Alegre e, em 1960, inicia-se nas artes gráficas como planejador gráfico do Serviço Estadual de Turismo, trabalhando com Oswaldo Gedinischi e Carlos Petrucci. Em 1963 conclui o curso de pintura, licenciando-se em desenho pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, 1965. No mesmo ano, leciona desenho e publicidade na Universidade de Santa Maria, no Rio Grande do Sul. Ministra cursos intensivos na divisão de educação artística da Secretaria de Educação e Cultura de Porto Alegre, de 1965 a 1967. Produz pôsteres - recebendo oito prêmios em concursos de cartazes entre 1963 e 1969 - e inicia pesquisas sobre fotomontagem em 1969, quando passa a integrar o corpo docente da Universidade de Brasília, UnB. Vive e estuda na Europa entre 1977 e 1983. 

Críticas

"(...) A fase atual da arte de Charles Mayer mostra uma procura de novas dimensões, absorvidos e passados os ingredientes da experiência anterior. No conteúdo está presente a carga ecológica, mas com a denúncia serenada no decorativo que, de modo consciente, o artista assume e não procura disfarçar. Essa temática ecológica é mais como um apego sentimentalmente fecundo do explorador de um dado primário que libelo contra os demandos da tecnologia. E com alívio notamos, nesse horizonte, a ausência de modismos herdados da Pop Art, e já esgotados pelo excesso de uso entre nós: chuvas caindo, gotas de água, árvores e gelo, letras formando mensagens semiológicas. Também não é realidade ou nacional que se reflete, mas o estado de consciência internacional em que as relações com a terra carregam-se de urgência romântica e barroca que é, de resto, um dos traços culturais de nossos dias. O barroquismo rebate na forma daquele conteúdo, e a geometria do artista gráfico em vão tentaria contê-lo".
João Evangelista de Andrade Filho
FIGUEREDO, Aline. Artes Plásticas no Centro-Oeste. Aline Figueredo. Cuiabá, UFMT, MACP, 1979. Bibliografia.

Exposições Individuais

1964 - Porto Alegre RS - Exposição de Cartazes, na Galeria Portinari
1967 - Santa Maria RS - Exposição de Cartazes, na Universidade Federal de Santa Maria - UFSM
1972 - Santa Maria RS - Exposição de Monotipias, na UFSM
1973 - Porto Alegre RS - Individual, no Margs
1975 - Brasília DF - Individual, na Fundação Cultural do Distrito Federal
1976 - Porto Alegre RS - Individual, no Margs
1985 - Brasília DF - Individual, na Itaugaleria

Exposições Coletivas

1954 - Goiânia GO - Exposição do Congresso Nacional de Intelectuais, na Escola Goiana de Belas Artes - EGBA
1963 - Porto Alegre RS - Coletiva, na Escola de Belas Artes
1963 - Porto Alegre RS - 40 Cartazes, na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da UFRGS
1972 - Brasília DF - Coletiva, na Universidade de Brasília - UnB
1973 - Brasília DF - 1º Salão Global da Primavera - prêmio aquisição
1973 - Goiânia GO - 1º Salão Global da Primavera - prêmio aquisição
1974 - São Paulo SP - Artistas Professores da UnB, no MAC/USP
1975 - Porto Alegre RS - Salão de Artes Visuais da UFRGS
1975 - Brasília DF - Coletiva, na FCDF
1978 - Brasília DF - Salão da Marinha - premiado
1986 - Brasília DF - Brasília: Trilha Aberta: Homenagem a Juscelino Kubitscheck - 10º aniversário de sua morte, na Fundação Cultural do Distrito Federal
1994 - São Paulo SP - Os Clubes de Gravura do Brasil, na Pinacoteca do Estado

Fonte: Itaú Cultural

VEJA TAMBÉM

Vik Muniz - Lovebugs 1
Lovebugs 1
Tuneu - Composição
Composição