Escritoriodearte.com > Artistas > Vicente de Mello

Vicente de Mello


OBRAS DO ARTISTA

Este artista não possui obras em nosso acervo.

Você possui uma obra deste artista e quer vender?

Após logar no site, clique em 'Avaliações' e envie sua obra.

Leilão de Artes Online

BIOGRAFIA

Vicente de Mello (São Paulo SP 1967)

Fotógrafo.

Formado em comunicação social, publicidade e propaganda, em 1989, pela Universidade Estácio de Sá, no Rio de Janeiro. Entre 1992 e 1994, Vicente Henriques Botelho de Mello cursa especialização em história da arte e arquitetura no Brasil, na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC/RJ. Trabalha como estagiário no Instituto Nacional de Fotografia da Fundação Nacional de Arte - Infoto/Funarte, de 1988 a 1989; no Departamento de Fotografia do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro - MAM/RJ, em 1989; e no Laboratório Lexington Labs, Nova York, em 1992. Na década de 1990, atua como assistente fotográfico e direciona sua atividade profissional para a área de reprodução de obras de arte. De 1993 a 1998, é responsável pelo setor de documentação fotográfica das exposições da Coleção Gilberto Chateaubriand, que integra o acervo do MAM/RJ. Paralelamente, realiza pesquisas fotográficas que, indiretamente, versam sobre elementos e características específicas do meio: a luz, a câmera obscura, as possibilidades de enquadramento, etc. Produz a série Topografia Imaginária, com fotos em preto-e-branco de fragmentos de corpos humanos, e começa a expor em galerias e museus. Recebe o Prêmio Brasília de Artes Visuais do Museu de Arte Moderna de Brasília em 1998. Dois anos depois, monta seu próprio estúdio no Rio de Janeiro, onde trabalha na área editorial.

Comentário Crítico

Vicente de Mello concilia investigações sobre elementos específicos da fotografia com questionamentos de caráter intimista. Possui ensaios sobre o corpo humano, paisagens, objetos e ambientes privados, mas seu interesse está voltado, sobretudo, para a luz, o tempo e a idéia de fragmentação.

Topografia Imaginária, 1994, é um conjunto de fotografias em preto-e-branco de corpos humanos registrados em primeiríssimo plano. Lembrando abstrações, as dobras e marcas na pele aludem à passagem do tempo e conferem um sentido erótico aos trabalhos.

Noite Americana apresenta uma seqüência de fotos de interiores e paisagens urbanas feitas em condições precárias de iluminação. Predominam contra-luzes, imagens escuras e com pouca definição. As pessoas estão sozinhas e, muitas vezes, aparecem dormindo. Nos ambientes vazios há vestígios de que alguém esteve ali recentemente, como lençóis amarrotados, uma televisão ligada ou uma réstia de luz entrando pela porta semi-aberta. O conjunto sugere uma narrativa que, embora desconexa, remete ao clima de mistério do cinema noir norte-americano dos anos 1950.

Em Galácticas, Mello enfoca luminárias, lustres e neons como se fossem corpos celestes. Ao trabalhar a luz como tema, o artista retoma o ideário modernista de que a arte deve se voltar para seus próprios meios. Além disso, isolando os objetos de seus contextos originais, cria imagens de sentido abstrato que põem em xeque a noção de fotografia como documento.

Críticas

"Mello surge na cena artística brasileira nos primeiros anos desta década trabalhando com a fotografia em preto e branco. Os cortes inusitados de suas fotos apresentam uma forte sensualidade, ao realçar certos segmentos de corpos humanos ou de animais. As fotos de Vicente de Mello, registros de um olho carregado de libido, provam mais uma vez que a fotografia contemporânea não pode ser definida apenas pelo único caminho da apropriação de imagens já cristalizadas no imaginário social, ainda mais quando conta com uma sensibilidade original ávida por se manifestar".
ARTE brasileira contemporânea: doações recentes/96. São Paulo: MAM, 1996. p. 24. il. color.

"Em suas fotografias o que está em jogo é a apreensão do volume, das distâncias e do espaço. Densifica o plano, corporifica o que está fadado à virtualidade, revelando a materialidade do referente, veículo da construção de uma nova visualidade. Vicente de Mello cria um lugar para a condução de um olhar contemporâneo. Opera na percepção, no espaço e no tempo de apreensão das imagens. A questão latente é a fluência da forma através de uma diferenciação de planos e de sua ampliação máxima, em função do que a objetiva e o olhar podem abarcar".
INTERVALOS: evento paralelo à documenta de Kassel. São Paulo: Paço das Artes, 1997. p. [29].

Acervos

Coleção Gilberto Chateaubriand - MAM RJ - Rio de Janeiro RJ
Coleção Joaquim Paiva - Rio de Janeiro RJ
Fondation Cartier pour l´art contemporain - Paris (França)
Maison Européenne de la Photographie - Paris (França)
Museu de Arte de São Paulo - Coleção Pirelli
Museu de Arte Moderna Aluísio Magalhães - Recife (Pernambuco)
Museu de Arte Moderna de Brasília
Museu de Arte Moderna (MAM/RJ) - Rio de Janeiro RJ
Museu de Arte Moderna (MAM/SP) - São Paulo SP
Pinacoteca do Estado de São Paulo (Pesp) - São Paulo SP

Exposições Individuais

1994 - São Paulo SP - Topografia Imaginária, Centro Cultural São Paulo
1995 - Rio de Janeiro RJ - Diálogos Mortos, Espaço Cultural Sérgio Porto
1996 - Niterói RJ - Tempo Inocente, Centro Cultural Paschoal Carlos Magno
1996 - Rio de Janeiro - Tempo Inocente, Centro Cultural Oduvaldo Vianna Filho
1998 - Rio de Janeiro RJ - Topografia Imaginária, Galeria Ismael Nery
1998 - São Paulo SP - Noite Americana, Galeria Casa Triângulo
1999 - Rio de Janeiro RJ - Noite Americana, Galeria do Catete
2000 - São Paulo SP - Noite Americana, Galeria Baró Senna
2001 - Porto (Portugal) - Noite Americana, Galeria Canvas
2001 - Rio de Janeiro RJ - Vermelhos Telúricos, Centro Cultural do Banco do Brasil
2003 - Brasília DF - Atrás do Olhar, Espaço Cultural Renato Russo 
2004 - São Paulo SP - Noite Americana - Interiores, D. Concept Escritório de Arte Contemporânea
2006 - Rio de Janeiro RJ - Vicente de Mello: áspera imagem, Centro Cultural Telemar
2006 - Rio de Janeiro RJ - Primeira exibição, Galeria Artur Fidalgo 
2007 - Paris (França) - Vicente de Mello: áspera imagem, Maison Européenne de La Photographie
2007 - São Paulo SP - Vicente de Mello: áspera imagem, Pinacoteca do Estado
2008 - São Paulo SP - Quantas ASAS têm Um Pixel?, Galeria Eduardo H. Fernandes
2010 - Rio de Janeiro RJ - Orquestra de Trombones, Museu de Arte Contemporânea de Niterói
2010 - São Paulo SP - Strobo, Galeria Eduardo H. Fernandes

Exposições Coletivas

1990 - Rio de Janeiro RJ - ATW - Around The World: Fax Art, MAM/RJ
1992 - Rio de Janeiro RJ - 16º Salão Carioca de Arte, Palácio Gustavo Capanema
1993 - Blumenau SC - Sem Títulos Contemporâneos, Furb
1993 - Curitiba PR - Sem Títulos Contemporâneos, Galeria da CEF
1993 - Londrina PR - 1º Salão de Artes Plásticas de Londrina, MAC/Londrina - prêmio aquisição
1993 - Niterói RJ - Jogos e Simulacros, Centro Cultural Paschoal Carlos Magno
1993 - Rio de Janeiro RJ - 17º Salão Carioca de Arte, Escola de Artes Visuais do Parque Lage
1993 - Rio de Janeiro RJ - Paixão do Olhar, MAM/RJ
1994 - Curitiba PR - Consciência, Arte, Aids, MAC/PR
1994 - Curitiba PR - Desvelar, Museu Guido Viaro
1994 - Fortaleza CE - Consciência, Arte, Aids, Palácio da Abolição
1994 - Porto Alegre RS - Arte Contra Aids, Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul
1994 - Rio de Janeiro RJ - Jogos e Simulacros, Funarte. Galeria de Fotografia
1994 - Salvador BA - 1º Salão MAM-Bahia de Artes Plásticas, Museu de Arte Moderna
1994 - São Paulo SP - Acervo 94, Galeria Casa Triângulo
1994 - São Paulo SP - Outros Territórios - Travessia pela Sexualidade, Museu da Imagem e do Som
1995 - Curitiba PR - 1º Imagens em Questão, Museu Guido Viaro
1995 - Rio de Janeiro RJ - Coletivo Singular, Paço Imperial
1995 - Rio de Janeiro RJ - Novíssimos a Produção dos 90, Galeria de Fotografia da Funarte
1995 - São Paulo SP - Amanhã, Hoje: a Casa Triângulo de 1988 a 1995, Museu de Arte Brasileira. Salão Cultural
1995 - São Paulo SP - Novíssimos a Produção dos 90, Galeria Fotoptica
1996 - Rio de Janeiro RJ - Projeto Universid'arte, Universidade Estácio de Sá
1996 - São Paulo SP - Acervo 96, Galeria Casa Triângulo
1996 - São Paulo SP - Arte Brasileira Contemporânea: doações recentes/96, Museu de Arte Moderna
1996 - São Paulo SP - No Existem Los Limites, Hospital Matarazzo
1997 - Curitiba PR - A Arte Contemporânea da Gravura, Museu Metropolitano de Arte de Curitiba
1997 - Havana (Cuba) - 6ª Bienal de Havana, Centro de Arte Contemporáneo Wifredo Lam
1997 - Niterói RJ - Ponte Rio-Niterói, Galeria de Arte da UFF
1997 - Rio de Janeiro RJ - Identidade/Não Identidade: a fotografia brasileira atual, Centro Cultural Light
1997 - Salvador BA - 4º Salão MAM-Bahia, Museu de Arte Moderna
1997 - São Paulo SP - 9º Aniversário Casa Triângulo, Galeria Casa Triângulo
1997 - São Paulo SP - As Representações do Corpo, MAM/SP
1997 - São Paulo SP - Identidade/Não Identidade: a fotografia brasileira atual, Museu de Arte Moderna
1997 - São Paulo SP - Intervalos, Paço das Artes
1998 - Brasília DF - Prêmio Brasília de Artes Visuais, MAB/DF
1998 - Salvador BA - 5º Salão MAM-Bahia, MAM/BA
1998 - São Paulo SP - Dez Anos de Casa Triângulo, Galeria Casa Triângulo
1999 - Brasília DF - Erosescorre: erotismo, arte e reflexão - Coleção Joaquim Paiva, Centro Cultural da Caixa
1999 - Salvador BA - 6º Salão da Bahia, Museu de Arte Moderna
1999 - São Paulo SP - Fotógrafos e Fotoartistas na Coleção do Museu de Arte Moderna de São Paulo: fotografia contemporânea brasileira, Espaço Porto Seguro de Fotografia
1999 - São Paulo SP - Paisagem Sublime, Museu de Arte Moderna de São Paulo
2000 - Curitiba PR - 12ª Mostra da Gravura de Curitiba. Marcas do Corpo, Dobras da Alma, Museu da Gravura
2000 - Curitiba PR - Corporal, Ybakatu Espaço de Arte
2000 - Lisboa (Portugal) - Brasil 2000, Um Oceano Inteiro para Nadar, Culturgest
2000 - Londrina PR - Memória do Corpo, Universidade Estadual de Londrina
2000 - Rio de Janeiro RJ - A Imagem do Som de Gilberto Gil, Paço Imperial
2000 - Rio de Janeiro RJ - Novas Aquisições: Coleção Gilberto Chateaubriand MAM/RJ, MAM/RJ
2001 - Nova York (Estados Unidos) - The Thread Unraveled: contemporary brazilian art, El Museo del Barrio
2001 - Rio de Janeiro RJ - A Imagem do Som de Antônio Carlos Jobim, Paço Imperial
2001 - Rio de Janeiro RJ - Memória do Corpo, Funarte
2001 - Rio de Janeiro RJ - O Espírito de Nossa Época, Museu de Arte Moderna
2001 - Rio de Janeiro RJ - Palavra Imagem, MAM/RJ
2001 - Rio de Janeiro RJ - Transfigurações: o Rio no olhar contemporâneo, Centro Cultural Light
2001 - São Paulo SP - A Figura na Arte Contemporânea, Espaço Getúlio Vargas
2001 - São Paulo SP - Clube da Fotografia - Série Moiré, MAM/SP
2001 - São Paulo SP - O Espírito de Nossa Época, Museu de Arte Moderna
2001 - São Paulo SP - Trajetória da Luz na Arte Brasileira, Itaú Cultural
2002 - Barra Mansa RJ - Sidaids, Galeria de Arte Sesc Barra Mansa
2002 - Buenos Aires (Argentina) - The Thread Unraveled: contemporary brazilian art, Museo de Arte Latinoamericano de Buenos Aires 
2002 - Niterói RJ - Niterói Arte Hoje, Museu de Arte Contemporânea
2002 - Rio de Janeiro RJ - Entre a Palavra e a Imagem: módulo 1, Sala MAM-Cittá América 
2002 - Rio de Janeiro RJ - Niterói Arte Hoje, Centro Cultural Candido Mendes
2002 - Rio de Janeiro RJ Artista Participante - A Cultura em Tempos de Aids, Museu Nacional de Belas Artes
2002 - São Gonçalo RJ - Sidaids, Sesc São Gonçalo
2002 - São Paulo SP - 11ª Coleção Pirelli/Masp de Fotografias, Museu de Arte de São Paulo
2002 - São Paulo SP - Coletiva 2002, Galeria Baró Senna
2002 - São Paulo SP - Coletiva AAA, Galeria Baró Senna  
2002 - São Paulo SP - Fotografias no Acervo do Museu de Arte Moderna de São Paulo, MAM/SP
2002 - São Paulo SP - Visões e Alumbramentos: fotografia contemporânea brasileira da coleção Joaquim Paiva, Oca
2003 - Brasília DF - Artefoto, Centro Cultural Banco do Brasil
2003 - Niterói RJ - Sidaids, Galeria de Arte Sesc
2003 - Rio de Janeiro RJ - Arte em Movimento, Espaço BNDES
2003 - Rio de Janeiro RJ - Grande Orlândia: artistas abaixo da linha vermelha, Rua Bela, 148 até Rua General Bruce, 230. Apresentação de performances na abertura (5/04/2003) e no encerramento da exposição (19/04/2003). 
2003 - São Paulo SP - A Nova Geometria, Galeria Fortes Vilaça
2003 - São Paulo SP - Clube de Colecionadores de Fotografia do MAM, no Museu de Arte Moderna 
2003 - São Paulo SP - Meus Amigos, Espaço MAM - Villa-Lobos
2003 - São Paulo SP Artista Participante - Aquisições Recentes 2003 pelo Núcleo Contemporâneo do MAM, Museu de Arte Moderna
2004 - Porto Alegre RS - Olho Vivo: a arte da fotografia, Santander Cultural
2004 - Recife PE - Coleção Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães: doações 2001 - 2004, Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães
2004 - Rio de Janeiro RJ - Novas Aquisições 2003: Coleção Gilberto Chateaubriand, Museu de Arte Moderna
2004 - São Paulo SP - Still Life / Natureza Morta, Galeria de Arte do Sesi
2004 - Vitória ES - Heterodoxia: edição Vitória, Casa Porto das Artes Plásticas
2005 - Belém PA - 24º Salão Arte Pará 2005, Fundação Romulo Maiorana
2005 - São Paulo SP - O Corpo na Arte Contemporânea Brasileira, Itaú Cultural
2006 - São Paulo SP - MAM na Oca, Oca
2007 - Rio de Janeiro RJ - Alumínio Digital, Galeria Artur Fidalgo
2007 - Rio de Janeiro RJ - Mais Precioso que Prata, Caixa Cultural Rio
2008 - Belo Horizonte MG - N Múltiplos, Murilo Castro Escritório de Arte
2008 - Rio de Janeiro RJ - Verdadeira Grandeza, Galeria do Ateliê da Imagem
2008 - São Paulo SP - MAM 60, Oca
2008 - São Paulo SP - Relíquias e Ruínas, Sesc Paulista
2008 - São Paulo SP - Arte Pela Amazônia: arte e atitude, Fundação Bienal
2009 - Belo Horizonte MG - Piscinão da Benvinda de Carvalho, Galeria Murilo Castro
2009 - São Paulo SP - A Invenção de Um Mundo, Itaú Cultural 
2009 - São Paulo SP - Intempéries - O Fim do Tempo, Oca
2010 - Belo Horizonte MG - Paisagem Incompleta: projeto de uma nova paisagem, Fundação Clóvis Salgado. Palácio das Artes
2010 - São Paulo SP - Dez Anos do Clube de Colecionadores de Fotografia do Mam, Museu de Arte Moderna
2010 - São Paulo SP - Do Desejo Inconfesso, Micasa
2010 - São Paulo SP - Jogos de Guerra, Memorial da América Latina. Galeria Marta Traba
2010 - São Paulo SP - 6ª sp-arte, Fundação Bienal

Fonte: Itaú Cultural

VEJA TAMBÉM

Pedro Alexandrino - Natureza Morta

Pedro Alexandrino

Natureza Morta

Victor Brecheret - Maternidade Indígena

Victor Brecheret

Maternidade Indígena

Burle Marx - Clambária II

Burle Marx

Clambária II

Ernesto de Fiori - São Jorge

Ernesto de Fiori

São Jorge